of 13/13
Giordan Matheus Guimarães

Água no planeta terra!

  • View
    61

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Água no planeta terra!. Giordan Matheus Guimarães. Oi, eu sou o Zé D´agua! Vim falar um pouco com você sobre a água do nosso planeta. - PowerPoint PPT Presentation

Text of Água no planeta terra!

  • Giordan Matheus Guimares

  • Oi, eu sou o Z Dagua!Vim falar um pouco com voc sobre a gua do nosso planeta...

  • A gua a espcie qumica mais abundante do planeta e um recurso essencial para a sobrevivncia dos seres vivos na Terra. Apresenta a frmula molecular H2O. Encontra-se naturalmente em todos os trs estados fsicos: slido (gelo), lquido (gua lquida) e gasoso (vapor). Ela apresenta temperaturas de fuso e ebulio iguais a 0C e 100C, respectivamente, ao nvel do mar. Essas caractersticas so bastante importantes para a existncia de vida na Terra, uma vez que a forma lquida o estado fsico predominante na natureza. Uma outra propriedade da gua que a forma lquida mais densa que a forma slida, fazendo com que no inverno e nos plos da Terra a gua no congele totalmente, protegendo a vida marinha.

  • Na natureza, a gua se encontra em contnua circulao, fenmeno conhecido como ciclo da gua ou ciclo hidrolgico (ver Figura 1 no slide seguinte). A gua dos oceanos, dos rios, dos lagos, da camada superficial dos solos e das plantas evapora por ao dos raios solares. O vapor formado vai constituir as nuvens que, em condies adequadas, condensam-se e precipitam-se em forma de chuva, neve ou granizo. Parte da gua das chuvas infiltra-se no solo, outra parte escorre pela superfcie at os cursos de gua ou regressa atmosfera pela evaporao, formando novas nuvens. A poro que se infiltra no solo vai abastecer os aqferos, reservatrios de gua subterrnea que, por sua vez, vo alimentar os rios e os lagos.

  • Figura 1. Ciclo da gua.

  • Um dos grandes benefcios das tecnologias modernas tem sido a reduo das doenas transmitidas pela gua, entre elas a clera e o tifo. O aspecto chave para este avano foi o reconhecimento de que a contaminao dos reservatrios de guas destinadas ao abastecimento pblico, especialmente por resduos humanos, era a principal fonte de infeco. Muitas doenas podem ser eliminadas atravs de um tratamento mais efetivo da gua. As principais operaes consistem na decantao, coagulao/floculao, filtrao e desinfeco (ver Figura 2 no slide seguinte).

  • Figura 2. Esquema de uma estao de tratamento de gua.

  • Uma parcela significativa das guas, depois de utilizadas para o abastecimento pblico e nos processos produtivos, retorna suja os cursos dgua, em muitos casos levando ao comprometimento de sua qualidade para os diversos usos, inclusive para a agricultura. Dependendo do grau de poluio, essa gua residual pode ser imprpria para a vida, causando, por exemplo, a mortandade de peixes. Os poluentes alcanam guas superficiais e subterrneas de formas bastante diversas. Existem duas estratgias adotadas no controle da poluio aqutica: (1) reduo na fonte e (2) tratamento dos resduos de forma a remover os contaminantes ou ainda de convert-los a uma forma menos nociva. O tratamento dos resduos tem sido a melhor opo.

  • Os microorganismos que participam da degradao dos compostos orgnicos presentes no esgoto utilizam esses compostos como fontes de energia. As reaes qumicas envolvidas podem ocorrer tanto na presena como na ausncia de oxignio, conforme os exemplos abaixo: C6H12O6 + 6O2 6CO2 + 6H2O + Energia glicose oxignio dixido de carbono gua CH3COOH CH4 + CO2 + Energia cido actico metano

  • No territrio brasileiro, existe um rgo do governo que responsvel pela fiscalizao da qualidade da gua. Esse rgo o Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA). Ele estabelece os padres de qualidade de corpos aquticos, bem como de lanamentos de efluentes. As guas residuais, aps tratamento, devem atender aos limites mximos e mnimos estabelecidos pela referida resoluo, e os corpos dgua receptores no devem ter sua qualidade alterada.

  • A gua no BrasilO volume total de gua na Terra no aumenta nem diminui, sempre o mesmo. A gua ocupa aproximadamente 70% da superfcie do nosso planeta. Mas 97,5% da gua do planeta salgada. Da parcela de gua doce, 68,9% encontra-se nas geleiras, calotas polares ou em regies montanhosas, 29,9% em guas subterrneas, 0,9% compe a umidade do solo e dos pntanos e apenas 0,3% constitui a poro superficial de gua doce presente em rios e lagos. O Brasil um pas privilegiado quanto ao volume de recursos hdricos, pois abriga 13,7% da gua doce do mundo. Porm, a disponibilidade desses recursos no uniforme.

  • O Brasil registra elevado desperdcio: de 20% a 60% da gua tratada para consumo se perde na distribuio, dependendo das condies de conservao das redes de abastecimento. Alm dessas perdas de gua no caminho entre as estaes de tratamento e o consumidor, o desperdcio tambm grande nas nossas residncias, envolvendo, por exemplo, o tempo necessrio para tomarmos banho, a prpria forma como tomamos banho, a utilizao de descargas no vaso sanitrio que consomem muita gua, a lavagem da loua com gua corrente, no uso da mangueira como vassoura na limpeza de caladas, na lavagem de carros etc.

  • Sugestes para leituraBom pessoal, espero que tenham gostado das minhas informaes. Seguem algumas sugestes para leitura. Obrigado! Um abrao!

    As guas do planeta terra: http://qnesc.sbq.org.br/online/cadernos/01/aguas.pdf Tratando nossos esgotos: http://qnesc.sbq.org.br/online/cadernos/01/esgotos.pdf gua: um recurso cada vez mais ameaado: http://www.idec.org.br/biblioteca/mcs_agua.pdf