Cartilha Credito SEBRAE

Embed Size (px)

Text of Cartilha Credito SEBRAE

CARTILHA DE ORIENTAO AO CRDITO

2010, SEBRAE/SC Servio de Apoio s Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina. proibida a duplicao ou reproduo deste volume, ou de parte do mesmo, por quaisquer meios, sem autorizao expressa do SEBRAE/SC. CONSELHO DELIBERATIVO DO SEBRAE/SC Federao do Comrcio do Estado de Santa Catarina - FECOMRCIO Federao da Agricultura e Pecuria do Estado de Santa Catarina - FAESC Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econmico e Sustentvel - SDS Federao das Associaes Empresariais de Santa Catarina - FACISC Federao das Indstrias do Estado de Santa Catarina - FIESC Fundao Centros de Referncia em Tecnologias Inovadoras - CERTI Banco do Brasil S.A. Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul - BRDE Federao das Associaes de Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina - FAMPESC Servio Brasileiro de Apoio s Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE Agncia de Fomento do Estado de Santa Catarina - BADESC Caixa Econmica Federal - CEF Federao das Cmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina - FCDL Servio Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI/DR-SC Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC DIRETORIA SEBRAE/SC DIRETOR SUPERINTENDENTE Carlos Guilherme Zigelli DIRETOR TCNICO Anacleto Angelo Ortigara DIRETOR ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO Jos Alaor Bernardes ASSESSORIA DE RELAES INSTITUCIONAIS E POLTICAS PBLICAS Sergio Cardoso AUTOR Osni Rogrio Vieira Branco REVISO GRAMATICAL Dacio Luiz Osti COORDENAO TCNICA Spyros A. Diamantaras - Gerente de Comunicao e Mercado Maristela C. Borges Gomes - Gerncia de Comunicao e Mercado PROJETO EDITORIAL E GRFICO Laske Design Grfico Ltda.

2

Cartilha de Orientao ao Crdito

Apresentao

E

sta Cartilha tem o objetivo de informar aos empreendedores individuais e de micro e pequenos negcios formais e informais o como e o que fazer quando houver a necessidade de buscar recursos financeiros de terceiros (bancos comerciais, bancos de microcrdito, cooperativas de crdito, amigos ou parentes). O objetivo deste instrumento transmitir informaes a respeito das principais linhas de crdito, principalmente sobre as mais indicadas para os empreendedores de micro e pequenos negcios. A leitura completa e cuidadosa do contedo que aqui dispomos fundamental para o entendimento dos procedimentos relativos aos crditos que podem ser tomados, sempre quando o uso de recursos de terceiros seja identificado como uma ao fundamental para viabilizar ou incrementar um negcio qualquer. Conserve esta Cartilha perto de voc e consulte-a sempre que for necessrio. A Cartilha de Acesso ao Crdito apenas uma referncia, mas contm dicas para a obteno de um bom relacionamento com diversos fornecedores de crdito.

As linhas de crdito que aqui citamos fazem parte do grande portflio das instituies financeiras pblicas. Tivemos o cuidado de selecionar somente aquelas que sejam de interesse direto do pblico formado pelos candidatos a empreendedor individual e pelas micro e pequenas empresas j formalizadas e em funcionamento. Tenha sempre em mente que o SEBRAE/SC no quem libera crdito, no quem decide valores, prazos e o custo do dinheiro. O SEBRAE/SC apenas facilita sua caminhada, sugerindo para sua melhor tomada de deciso, as linhas de crdito existentes no Banco A, B ou C, adequadas a cada tipo de necessidade sem, no entanto, possuir nenhum tipo de ingerncia sobre qualquer processo de financiamento. Saiba tambm que esse tipo de informao sofre alteraes constantes, possibilitando a ocorrncia de mudanas sem aviso prvio, tornando-se, com o passar do tempo, desatualizada, em parte ou no todo. Por isso, nunca deixe de consultar o financiador antes de tomar qualquer deciso a respeito de crdito.

Apresentao

3

Veja as recomendaes abaixo antes de solicitar um emprstimo:01. Emprstimo tomado sempre uma dvida. Precisa ser pago e, se isso no acontecer no prazo acertado, a dvida aumenta e torna-se um problema grave. 02. Um emprstimo deve ser sempre aplicado no negcio da empresa, jamais em outra finalidade. 03. Muitas vezes a necessidade de capital de giro fruto da m administrao do negcio ou da falta de sintonia entre contas a pagar e a receber. 04. Verifique as vantagens de tomar dinheiro emprestado e s faa isso quando estiver seguro de que o negcio, com o lucro obtido, tenha condies de pagar o emprstimo. 05. No esquea que obter um financiamento para cobrir outro financiamento tem levado pessoas e empresas a fazerem mais dvidas, ficando cada vez mais difceis de serem quitadas. 06. Lembre-se, nem sempre um financiamento a melhor soluo, principalmente se no for feito, antes, um bom planejamento do negcio, que espelhe a real necessidade. 07. Antes de tomar dinheiro emprestado, o SEBRAE/ SC sugere que o empreendedor busque os motivos que o esto levando a tomar essa deciso. 08. Se os recursos tomados forem de amigos ou parentes, tome pelo menos as seguintes precaues: redija um contrato simples e deixe claras as bases da negociao (valor, taxas e juros, correo, prazos de carncia e/ou de amortizao etc.); assine uma nota promissria ou um cheque de garantia com o valor dos recursos tomados emprestados. Tais procedimentos podem evitar problemas futuros. 09. A contabilidade pessoal deve ser separada da contabilidade da empresa. Isso dar uma noo clara da capacidade de pagamento das pessoas fsica e jurdica.

4

Cartilha de Orientao ao Crdito

1 - Introduo A inteno deste trabalho encurtar caminhos e estabelecer procedimentos a serem adotados por empreendedores, formais e informais, de micro e pequeno porte, nas questes relativas s decises que devam tomar, sempre que a busca de recursos externos se fizer necessria. 2 - Objetivos Esta Cartilha serve para tornar mais acessvel as informaes sobre as necessidades de quem deseja buscar recursos de terceiros. Serve tambm para direcionar a clientela para a linha de crdito que mais tenha a ver com suas necessidades. 3 - A busca de recursos Qualquer opo de financiamento a ser tomado, implicar em custos elevados, que dever ser seriamente calculado, resguardando a real capacidade de endividamento e de pagamento da pessoa ou da empresa que esteja sendo financiada. 4 - O caminho mais fcil Daqui em diante propomos um roteiro que voc poder seguir quando estiver necessitando um financiamento bancrio. Saiba que haver uma ou mais linhas de crdito para cada tipo de necessidade. Mas seja cuidadoso e nunca deixe de observar as exigncias que cada banco far antes de liberar um financiamento qualquer. Saiba, tambm, que o caminho do dinheiro fcil no existe. Exceto nos bancos de microcrdito, todos os bancos comerciais exigem que voc abra uma conta corrente, aprove cadastro, tenha um negcio ou atividade lucrativa para poder comprovar

renda, oferea garantias e, alm de tudo, inspire confiana. Os bancos oferecem financiamentos tanto para quem tem, quanto para quem no tem uma empresa em funcionamento. A seguir vamos listar algumas linhas de crdito para os dois prximos casos que, por certo, englobam os empreendedores individuais e empresrios de micro e pequeno porte. PRIMEIRO CASO: PARA VOC, QUE UM PROFISSIONAL QUE TRABALHA POR CONTA PRPRIA, sem carteira de trabalho assinada (podendo ser um autnomo sem curso superior, um recm-formado na universidade ou at um profissional liberal atuante).

Bancos de Microcrdito

5

Se voc se enquadrar neste primeiro caso:VEJA OS REQUISITOS Tem uma profisso com a qual sustenta a si e a sua famlia? Tem como comprovar alguma receita dos ltimos 12 (doze) meses? Tem documentos pessoais (CPF, Documento de Identidade, Ttulo Eleitoral)? Tem como comprovar as despesas que consomem seus rendimentos? Voc e seu cnjuge tm ficha limpa no SPC, CADIN, SERASA, CARTRIO? Tem residncia fixa na cidade h mais de um ano? Tem algum bem para oferecer como garantia, se necessrio for? ou Tem algum que aceite ser seu avalista? Tem oramento definido dos itens que precisa financiar? Se voc atende a esses requisitos, ento procure as seguintes alternativas (linhas de crdito):

Financiam profissionais liberais e autnomos em todos os tipos de negcios (oficinas mecnicas, costureiras, doceiras, pedreiros, marceneiros, pipoqueiros, e muitas outras atividades, formais ou no formais), quando precisam comprar mquinas e equipamentos que a profisso ou atividade necessite, assim como tambm financiam capital de giro para a compra de materiais de uso no servio ou atividade que desenvolvem. Esses bancos possuem limites mximos entre R$ 5.000,00 no primeiro e de R$ 10.000,00 no segundo financiamento, podendo chegar a R$ 15.000,00 no terceiro financiamento. Os prazos dos financiamentos so de no mximo 24 meses e os juros variveis, dependendo do tipo de necessidades. Mas tm a vantagem de serem rpidos e desburocratizados. Obs.: Sempre consulte antes a instituio de crdito, para saber com preciso as exigncias e as condies gerais oferecidas. Veja nas ltimas pginas desta Cartilha os nomes e endereos dos bancos de microcrdito em Santa Catarina.

Bancos de Microcrdito

Banco do Brasil S.A.O Banco do Brasil tambm possui linhas de crdito que atendem a vrios tipos de negcios, explorados por pessoas que no tm empresas registradas, como, por exemplo, os pequenos negcios familiares, quem fazem servios tais como: marcenaria, fabricantes de roupas, comidas, doces caseiros, artesanato etc., profissionais liberais, os mini e pequenos produtores rurais, os pescadores artesanais (com fins comerciais). Todos podem ser financiados com recursos do PROGER (Programa de Gerao de Emprego e Renda) do MTE (Ministrio do Trabalho e Emprego), com dinheiro repassado pelo Banco do Brasil. LINHAS DE CRDITO OFERECIDAS Linha de Crdito Microcrdito Afinalidadeliberarrecursosparapagamento de contas, fazer compras e manter as principais despesas em dia. ValormximofinanciadodeatR$2.000,00. Encargosfinanceiros:varivelde0,99%aoms a1,80%aoms+IOFde1,5%aoano. Prazos:de4a48meses.

6

Cartilha de Orientao ao