Demonstrações Financeiras - ?· 2 Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações…

Embed Size (px)

Text of Demonstrações Financeiras - ?· 2 Relatório dos auditores independentes sobre as...

Demonstraes Financeiras

Upcon Incorporadora S.A.

30 de junho de 2016 com Relatrio dos Auditores Independentes

1

Upcon Incorporadora S.A.

Demonstraes financeiras individuais e consolidadas

30 de junho de 2016

ndice

Relatrio dos auditores independentes sobre as demonstraes financeiras individuais e consolidadas ....................................................................................................................................... 2

Balanos patrimoniais ..................................................................................................................4 e 5 Demonstraes do resultado ............................................................................................................. 6 Demonstraes do resultado abrangente ........................................................................................... 7 Demonstraes das mutaes do patrimnio lquido ......................................................................... 8 Demonstraes dos fluxos de caixa.................................................................................................... 9 Notas explicativas s demonstraes financeiras ............................................................................10

2

Relatrio dos auditores independentes sobre as demonstraes financeiras

Aos administradores e acionistas da

Upcon Incorporadora S.A.

So Paulo SP

Examinamos as demonstraes financeiras individuais e consolidadas da Upcon Incorporadora

S.A. (Companhia), identificadas como controladora e consolidado, respectivamente, que

compreendem o balano patrimonial em 30 de junho de 2016, e as respectivas demonstraes

do resultado, do resultado abrangente, das mutaes do patrimnio lquido e dos fluxos de

caixa para o perodo de seis meses findo naquela data, assim como o resumo das principais

prticas contbeis e demais notas explicativas.

Responsabilidade da Administrao sobre as demonstraes financeiras

A Administrao da Companhia responsvel pela elaborao e adequada apresentao das

demonstraes financeiras individuais e consolidadas de acordo com as prticas contbeis

adotadas no Brasil, assim como pelos controles internos que ela determinou como necessrios

para permitir a elaborao das demonstraes financeiras individuais e consolidadas livres de

distoro relevante, independentemente se causada por fraude ou erro.

Responsabilidade dos auditores independentes

Nossa responsabilidade a de expressar uma opinio sobre essas demonstraes financeiras

com base em nossa auditoria, conduzida de acordo com as normas brasileiras e internacionais

de auditoria. Essas normas requerem o cumprimento de exigncias ticas pelos auditores e

que a auditoria seja planejada e executada com o objetivo de obter segurana razovel de que

as demonstraes financeiras individuais e consolidadas esto livres de distoro relevante.

Uma auditoria envolve a execuo de procedimentos selecionados para obteno de evidncia

a respeito dos valores e divulgaes apresentados nas demonstraes financeiras. Os

procedimentos selecionados dependem do julgamento do auditor, incluindo a avaliao dos

riscos de distoro relevante nas demonstraes financeiras individuais e consolidadas,

independentemente se causada por fraude ou erro. Nessa avaliao de riscos, o auditor

considera os controles internos relevantes para a elaborao e adequada apresentao das

demonstraes financeiras individuais e consolidadas da Companhia para planejar os

procedimentos de auditoria que so apropriados nas circunstncias, mas no para fins de

expressar uma opinio sobre a eficcia desses controles internos da Companhia. Uma

auditoria inclui, tambm, a avaliao da adequao das prticas contbeis utilizadas e a

razoabilidade das estimativas contbeis feitas pela Administrao, bem como a avaliao da

apresentao das demonstraes financeiras individuais e consolidadas tomadas em conjunto.

Acreditamos que a evidncia de auditoria obtida suficiente e apropriada para fundamentar

nossa opinio.

3

Opinio sobre as demonstraes financeiras individuais e consolidadas

Em nossa opinio, as demonstraes financeiras acima referidas apresentam adequadamente, em

todos os aspectos relevantes, a posio patrimonial e financeira individual e consolidada da Upcon

Incorporadora S.A. em 30 de junho de 2016, o desempenho individual e consolidado de suas

operaes e os seus fluxos de caixa individuais e consolidados para o perodo de seis meses findo

naquela data, de acordo com as prticas contbeis adotadas no Brasil.

So Paulo, 01 de Setembro de 2016.

Pemom Auditoria e Consultoria SS

CRC 2SP-030.181/O-6

Henrique Silva Premoli Raphael Teixeira Maciel

Contador CRC 1SP-250.993/O-6 Contador CRC 1SP-302.257/O-5

4

Notas jun/16 dez/15 jun/16 dez/15

Ativo circulante

Caixa e equivalentes de caixa 3 32 41 107 1.877

Titulos e valores mobiliarios 4 5 2.863 4.539 15.360

Contas a receber 5 118 118 42.433 41.156

Imveis a comercializar 7 2.174 2.174 138.396 170.924

Despesas Antecipadas - 504 505

Outros crditos 6 202 403 8.723 6.061

Total do ativo circulante 3.035 5.600 194.703 235.378

Ativo no circulante

Titulos e valores mobiliarios 4 - - 786 786

Contas a receber 5 285 285 2.991 6.359

Imveis a comercializar 7 - - 24.018 -

Partes relacionadas 8 22.211 13.257 6.059 1.952

Outros crditos 6 13.148 6.603 17.510 10.121

Investimentos 9 89.905 99.217 45.847 50.854

Imobilizado 10 743 299 1.602 1.304

Intangvel 11 92 124 92 124

Total do ativo no circulante 126.382 119.783 98.904 71.500

Total do ativo 129.417 125.383 293.607 306.878

As notas explicativas so parte integrante das demonstraes contbeis.

Upcon Incorporadora S.A.Balanos Patrimoniais em 30 de Junho de 2016 e 31 de dezembro de 2015

(Em milhares de Reais)

ATIVO

Controladora Consolidado

5

Notas jun/16 dez/15 jun/16 dez/15

Passivo circulante

Emprstimos e financiamentos 12 1.421 6.038 60.192 36.384

Fornecedores - 583 260 5.964 4.032

Obrigaes trabalhistas e tributrias - 243 173 849 1.023

Contas a pagar 13.1 774 439 10.097 6.199

Contas a pagar - aquisio de imveis 13 - - 23.134 1.195

Adiantamento de clientes 14 4.495 4.476 103.086 113.301

Tributos correntes com recolhimento diferido 15 - - 1.082 3.292

Partes Relacionadas 8 79.922 83.811 39.161 39.658 Dividendos a pagar - - 68 - 68

Total do passivo circulante 87.437 95.265 243.563 205.151

Passivo no circulante

Emprstimos e financiamentos 12 2.808 976 11.417 41.538

Contas a pagar - aquisio de imveis 13 - - - 32.182

Dbitos com participantes em SCPs 17 11.773 1.673 13.895 1.976

Contas a pagar 13.1 - - 3.122 1.581

Tributos correntes com recolhimento diferido 15 - - 140 1.221

Proviso para demandas judiciais e administrativas 16 1.066 807 1.066 807

Proviso para perda de investimentos 9 11.822 9.703 - -

Total do passivo no circulante 27.470 13.158