O Planejamento Urbano e o Planejamento Estratégico ?· Planejamento urbano Planejamento Urbano Fenômeno…

Embed Size (px)

Text of O Planejamento Urbano e o Planejamento Estratégico ?· Planejamento urbano Planejamento Urbano...

  • Prof. Marcos Aurlio Tarlombani da

    Silveira

    O Planejamento Urbano e o

    Planejamento Estratgico

  • Planejamento urbano

    Planejamento

    Urbano

    Fenmeno Urbano em sua dimenso espacial

    Urbanismo

    Desenho UrbanoProcesso Social

    Conflitivo

    PROJETO DE CIDADES

    Ordenar o uso

    do espaoEnfoque

    Multidisciplinar

  • Planejamento Urbano

    Planejadores

    Urbanos

    Conceito comum:

    aspecto fsico da cidade,

    (embelezar, confortabilidade,

    circular, ocupar espaos).

    Processo de produo

    Estruturao

    Apropriao do espao

    urbano

    preciso planejar

    para evitar os impactos

    negativos do

    crescimento urbano

  • Avenue des Champs Elyses

  • Meio fsico x Meio social

    Lgica: Atividades x Fluxos

    O stio geogrfico (suporte natural modif.)

    Parcelamentos e uso do solo (atividades)

    Tipos de edificao (renda)

    Vias e movimentos (fluxos)

    Infraestruturas em rede (demandas)

    Monumentos e outros elementos da paisagem urbana

  • Decises / Gesto Urbana

    Pblicas

    Privadas

    A cidade como

    um campo de

    foras

    um sistema

    complexo,

    aberto.

  • Espao Urbano

    Insumos

    gua

    Energia

    Materiais

    Alimentos

    Recursos $

    Produtos

    Cultura

    Informao

    Poluio

    Esgotos, etc

    Territrio

    &

    Sistema

    Urbano

  • Economia Urbana

    Oferta x Demanda variam cf.

    Solo urbano e rural

    Espao Construdos/Espaos Livres

    Densidades (custos de urbanizao)

    Atividades (valorizao x desvalorizao)

    Infraestruturas (energia, gua, esgoto)

    Servios (transportes, segurana, comunicao)

    Equipamentos (abastecim., educao, sade)

    Renda/consumo (modo de vida, cultura, lazer)

  • O territrio urbano um espao socialresultante de uma rede complexa de relaes,cuja representao e apreenso (tcnica)ultrapassa as trs dimenses da geometriaclssica.

    O territrio urbano um objeto trans-disciplinar (de nenhuma rea especfica, mascarece de vrias disciplinas, enfim).

  • PLANEJAMENTO URBANO

    Processo de criao e desenvolvimento deprogramas que buscam melhorar ourevitalizar certos aspectos (ex.: qualidade devida da populao) dentro de uma certa reaurbana; ou Processo de planejamento deuma nova rea urbana em uma dada regio;

    Atualmente lida com processos dePRODUO, ESTRUTURAO eAPROPRIAO do espao urbano

  • Introduo: da crtica do planejamento urbano a

    um planejamento crtico

    Nos ltimos 30 anos o Planejamento urbano

    vem sendo criticado em duas vertentes:

    Crtica da esquerda crtica a Escola de

    Chicago por prezar o individual, o consumismo

    e a lei do mais forte e no social;

    planejamento urbano instrumento a servio do

    status quo capitalista. A falcia marxista.

  • Crtica conservadora contexto

    neoliberal e falncia da interveno

    estatal. Substituio de planejamento por

    gesto. Planejamento subordinado aos

    interesses do mercado. Negao do

    Estado como administrador, mas

    utilizando benefcios destes (terrenos,

    subsdios, isenes tributrias, etc).

  • Planejamento deve buscar necessidades bsicas e no

    bsicas; tanto materiais quanto imateriais.

    Igualdade dos

    indivduos

    enquanto seres

    humanos

    merecedores de

    tratamento

    igualmente

    digno e

    respeitoso.

    Tratar os iguaisigualmente e os

    desiguais

    desigualmente,

    no justo

    (ARISTTELES)

  • Re

    alid

    ad

    e M

    un

    dia

    l

  • Re

    alid

    ad

    e B

    rasile

    ira

    So Paulo..

  • Re

    alid

    ad

    e B

    rasile

    ira

    Alagados, Salvador.

  • Re

    alid

    ad

    e L

    oca

    l

    rea de Fundo de Vale

  • Re

    alid

    ad

    e L

    oca

    l

    rea de Fundo de Vale

  • Re

    alid

    ad

    e L

    oca

    l

    Fundo de Vale

  • O Planejamento Urbano

    EstratgicoPlano institucional

    Plano normativo

    Plano Fsico territorial Plano Diretor

    Ordenamento Territorial Urbano

  • O Planejamento Estratgico

    Globalizao

    Papel das cidades

    Competitividade urbana Marketing das cidades

    Aumentar o potencial das cidades responder

    s demandas globais explorao das reais

    potencialidades da cidade.

  • O Planejamento EstratgicoCidades necessidades

    imediatas

    Recursos limitados

    PE valoriza a capacidade

    de promoo

    Urbanismo contemporneo - negociao.

  • Grupos participativos e ativos para um bom

    Planejamento Estratgico de Cidades.

    Estado

    Governos

    regionais e locais

    Grupos

    Polticos

    Empresas

    Multinacionais,

    nacionais e locais

    Privadas e

    do Estado

    Universidades Ongs

    Fundaes

    Sindicato dos

    trabalhadores

    Associao de

    moradores

    Entidades e

    rgos

    de governo

    Cidados

    Entidades de classe

    Ter uma viso e objetivos definidos.

    Assoc. Comercial

    Adaptado de Cabanillas (s/d)

  • O planejamento urbano no Brasil

    Desenvolvimentismo desmesurado ocupou espaos sem planejamento = caos urbano, afastamento perifrico da pobreza e plos industriais poluidores;

    1960: populao urbana = 44,7% do total (31 milhes);

    1970: populao urbana = 55,9% total;

    2000: 81,2% da populao vivia em cidades (137 milhes de habitantes;

    27,6% dos municpios do Brasil tm favelas;

    H favelas em 56,6% com 50-100 mil hab.

    FALTA DE PLANEJAMENTO ?

  • Poltica Urbana

    A Poltica Urbana o conjunto de

    providncias que objetivam ordenar os

    espaos habitveis, organizando todas as

    reas em que o ser humano exerce

    funes sociais: Habitao; - Trabalho; -

    Recreao (lazer); - Circulao - Visa a um

    s tempo, proporcionar melhoria das

    condies de vida da sociedade

  • Plano Diretor (CF/182, 1o.)

    Instrumento de planejamento bsico dapoltica de desenvolvimento e expansourbana; obrigatrio para cidades com maisde 20 mil habitantes; Depende de aprovaolegislativa municipal = princpio dalegalidade; Deve ser adaptado scaractersticas da comunidade e dinmico,para ordenar o crescimento da cidade; Nodeve conter projetos executivos de obras eservios, mas um roteiro norteador deempreendimentos futuros; Deve indicarprecisamente o que ser operacionalizadopara a execuo das obras e servios ouatividades

  • Plano Diretor

    Modelo

    Ministrio das Cidades

    Paran-cidade

  • Estatuto das Cidades Lei

    10.257/2001: regulamenta a CF, nos art. 182 e 183; Art. 2o.

    estabelece as diretrizes (princpios)norteadores da poltica urbana, cujo objetivo ordenar o pleno desenvolvimento dasfunes sociais da cidade e da propriedadeurbana: garantia do direito a cidadessustentveis; - gesto democrtica por meioda participao - cooperao entre osgovernos - ordenao e controle do uso dosolo, - justa distribuio dos benefcios enus decorrentes do processo deurbanizao;

  • REFERNCIAS ALMEIDA, J. Ribeiro de. Planejamento Ambiental. (2a edio revista e atualizada) Rio de Janeiro, Thex Editora,

    1999.

    Balanced Scorecard . [s.l] [s.d] Disponvel em . Acesso em 24 nov 2005

    Estatuto da Cidade Fundao Prefeito Faria Lima CEPAM, So Paulo, 2001

    Estatuto da Cidade Guia para Implementao pelos Municpios e Cidados. Cmara dos Deputados, Braslia, 2001.

    MARICATO, Ermnia: "Brasil,Cidades:alternativas para a crise urbana". SP: Vozes, 2002.

    OLIVEIRA, Djalma de Pinho Rebouas. Planejamento Estratgico. Conceitos e metodologias prticas. So Paulo. Atlas. 2004

    PAGNONCELLI, Dioniso. Cidade, capital social planejamento estratgico. O caso de Joinville. Rio de Janeiro. Esevier. 2004

    REZENDE, Denis Alcides. Planejamento estratgico municipal. Rio de Janeiro. Brasport. 2005.

    SOUZA, Maria A Adlia de Souza. Sobre planos diretores: em busca da urbanidade. So Paulo: exemplar digitalizado, IEA/USP, 19.

    http://www.qpr.com/