TOMADA DE DECISÃO FRENTE ÀS LESÕES DE w3.ufsm.br/endodontiaonline/artigos/[REPEO] Numero 14 Artigo

Embed Size (px)

Text of TOMADA DE DECISÃO FRENTE ÀS LESÕES DE w3.ufsm.br/endodontiaonline/artigos/[REPEO] Numero 14...

  • TOMADA DE DECISO FRENTE S LESES DE ACOMETIMENTO ENDODNTICO-PERIODONTAL

    SOCKET OF DECISION FRONT TO ATTACK ENDODNTICO-PERIODONTAL'S LESIONS

    Rosana Maria Coelho Travassos Doutora em Endodontia. Professora Adjunta da Disciplina de Endodontia da FOP/UPE.

    Ronise Ferreira Dotto Doutora em Endodontia. Professora Adjunta da Disciplina de Endodontia da Unisc.

    Lara de Medeiros Aguiar Especialista em EndodontiaMaria Gabriela Pereira de Carvalho Doutora em Endodontia. Professora Associada da Disciplina de Endodotnia da UFSM.

    Sidney Ricardo Dotto Doutor em Endodontia. Professor Adjunto da Disciplina de Endodontia da UFSM.

    RESUMO

    A presente pesquisa foi desenvolvida objetivando analisar o nvel de conhecimento de alunos de especializao em Endodontia nas cidades do Recife e Joo Pessoa, acerca das leses de acometimento endodntico-periodontal, tendo em vista a dificuldade encontrada no estabelecimento do diagnstico e, consequentemente, na tomada de deciso teraputica para as referidas leses. Para tanto foi aplicado um questionrio constitudo de trs casos cenrios, classificados de acordo com a literatura cientfica como sendo de leses endoperiodontais, avaliados por 54 alunos. No momento das entrevistas estes foram questionados com relao s suas propostas de diagnstico e tratamento para as leses apresentadas por meio de radiografias digitalizadas e descrio clnica dos casos. Os resultados encontrados apontaram para uma divergncia, acima do esperado, de diagnsticos e tratamentos propostos, associados a uma baixa freqncia da tomada de deciso correta para tais leses. Concluiu-se que a maioria dos participantes desta pesquisa no possui conhecimento cientfico adequado a respeito do tema abordado.

    Descritores: Endodontia. Periodontia. Tomada de deciso.

    ABSTRACT

    This present work was aimed at evaluating the clinical knowledge of general practitioners (GP), attenting a specialization course on Endodontics in the cities of Recife - Brazil and Joo Pessoa - Brazil, as regards the endo-perio lesions, owing to the difficulties, noticed when stablishing their diagnosis and, therefore,

    1

  • when performing the therapeutic decision. On this purpose, a questionnaire with three case-reports, concerned with those lesions, was answered by a sample of 54 GPs. During the interviews, they were inquired on their possible diagnosis and treatment, by means of digitalized radiographies and case decriptions. The results revealed a great range of variation, even higher than what was expected, in reference to the diagnosis and proposed therapies, associated to a low frequency related to the right decision-making. In conclusion, the majority of the interviewed students does not retain the required scientific knowledge towards the studied subject.

    Descriptors: Endodontics. Periodontics. Decision-making.

    INTRODUO

    Leses endoperiodontais so definidas na literatura cientfica como

    alteraes patolgicas que comprometem os tecidos pulpar e periodontal de

    um mesmo elemento dentrio simultaneamente, onde pode haver ou no uma

    relao de causa e efeito entre as leses. Uma condio patolgica originada

    em uma das estruturas, se deixada sem o tratamento adequado por um

    perodo de tempo, leva destruio de parte da estrutura adjacente, simulando

    uma falsa origem da leso e dificultando o diagnstico por parte do profissional.

    (LASCALA; PAIVA, 1991, DE DEUS, 1992, RUIZ; MENDONA; ESTRELA,

    2001, GUSMO, 2003, SANTIAGO; SOARES; PINTO, 2005)

    Pesquisadores e clnicos a muito reconheceram a ntima relao

    existente entre a polpa dental e o periodonto. A interdependncia destes dois

    tecidos flagrante a ponto de verificarmos que esto prximos e se relacionam

    desde a fase embrionria, inclusive com o mesmo aporte vascular. A inter-

    relao anatmica do periodonto e sistema de canais radiculares, atravs das

    vias de comunicao naturais entre estes tecidos como o forame apical, canais

    laterais e acessrios, assim como das comunicaes eventuais entre os

    mesmos, caracterizadas por perfuraes, fraturas e tbulos dentinrios

    desprovidos da proteo do cemento radicular, pode justificar tamanha

    ocorrncia de leses que envolvem os dois tecidos em causa.

    Neves; Barbosa (1994) fizeram uma anlise radiogrfica de dentes com

    leso periodontal, selecionando-se, para tanto, 601 radiografias de dentes com

    coroas hgidas. De acordo com os resultados, 48,4% dos dentes apresentaram

    leses periapicais associadas com as leses periodontais, comprovando o

    2

  • envolvimento pulpar via periodonto. Diante do exposto, sugeriram meticulosa

    avaliao geral dos casos quando do diagnstico e planejamento de casos

    inicialmente periodontais.

    Semelhanas microbiolgicas entre canais radiculares infectados e a

    periodontite avanada confirmam a possibilidade de infeco cruzada nestes

    casos. Figueiredo; Toledo; Salvador (2000) concordaram com outros autores,

    em sua reviso da literatura, quando afirmaram que nas leses

    endoperiodontais a microbiota do canal radicular mais complexa e patognica

    do que quando a leso puramente endodntica. Como exemplo cita as

    Espiroquetas que so organismos raros no sistema de canais radiculares,

    porm freqentes nas bolsas periodontais, e que so encontrados nos casos

    diagnosticados como leses endoperiodontais. Portanto estas devem ser

    consideradas como sendo uma nica leso, independentemente de sua

    origem.

    Sinais clnicos como bolsas periodontais, supurao, fstulas, tumefao

    da gengiva marginal, sensibilidade do dente percusso, mobilidade dentria

    aumentada, e achados radiogrficos como, por exemplo, defeitos sseos

    angulares no resultam exclusivamente de doena periodontal associada

    placa, podendo resultar tambm de irritantes presentes no sistema de canais

    radiculares do dente afetado. Muitas vezes, as dificuldades prprias do

    diagnstico geram controvrsias em torno do assunto, levando-se a classificar

    como leso endo-perio situaes caracteristicamente pulpares ou periodontais,

    sem qualquer aspecto de inter-relao.

    Chang; Lin (1997) consideraram que as leses endodnticas podem

    simular uma leso periodontal tanto clnica como radiograficamente como

    resultado da formao de leses na regio de furca e drenagem de abscessos

    decorrentes da necrose pulpar pela regio de ligamento periodontal. Nestes

    casos, o diagnstico deve envolver vrios testes para que seja feito de forma

    precisa, como os de palpao, percusso e sensibilidade pulpar, uma anlise

    radiogrfica cuidadosa e o conhecimento da histria mdico-odontolgica do

    paciente, evitando assim a realizao de tratamentos desnecessrios que

    podem vir at a prejudicar a sade do elemento dental em questo.

    O verdadeiro acontecimento simultneo de leses periodontais e

    alteraes pulpares, onde no h origem definida, no freqente e sua

    3

  • etiologia no totalmente conhecida, sendo por alguns denominada de

    Sndrome Endo-perio. Esta seria caracterizada por um conjunto de sinais e

    sintomas determinados e patognomnicos de uma desordem particular, como a

    presena de leso periodontal localizada com formao de bolsa profunda

    envolvendo apenas uma face da raiz, mobilidade incompatvel com a perda

    ssea ou com a severidade da resposta inflamatria, e alterao pulpar

    irreversvel, descrita como pulpopatia inflamatria, ocorrendo

    concomitantemente. (CHAMBRONE, 1985, LASCALA; PAIVA, 1991,

    GUSMO, 2003)

    Diversas classificaes para as leses de acometimento endodntico-

    periodontal so propostas pela literatura cientfica atual, em geral baseadas na

    etiologia destas leses, sendo umas mais referenciadas que outras. No

    entanto, nenhuma parece ser completa o suficiente para que seja considerada

    um padro de classificao para o tema, o que acarreta uma divergncia entre

    profissionais quanto ao diagnstico clnico e tratamento dessas leses.

    Vakalis et al. (2005) realizaram um estudo piloto para avaliar a eficcia

    do protocolo de tratamento estabelecido para as leses endo-perio. Para tanto,

    selecionaram nove pacientes com diagnstico de leso endo-perio verdadeira e

    realizaram primeiramente o tratamento endodntico associado raspagem e

    alisamento radicular dos elementos dentrios comprometidos. Aps um ms o

    tratamento periodontal no cirrgico foi repetido para favorecer a

    descontaminao das bolsas residuais. Durante a avaliao dos resultados

    observaram que, apesar da limitao deste estudo, o tratamento para estas

    leses priorizando a endodontia efetivo, proporcionando bons resultados

    clnicos e ganho de suporte sseo na maioria dos dentes.

    Sabendo-se que o processo de soluo de um problema clnico e o

    sucesso na resoluo deste problema caracterizado por duas grandes fases

    da tomada de deciso: a designao de um diagnstico num nvel de

    especificidade adequado para as consideraes teraputicas e a seleo de

    um tratamento que afete o problema de forma a resolv-lo ou alivi-lo (NETO,

    1998), resolveu-se analisar, junto a alunos de cursos de especializao em

    Endodontia das cidades do Recife e Joo Pessoa, a tomada de deciso

    diagnstico e paradigma teraputico para as leses

Recommended

View more >