TRABALHO DE MECÂNICA APLICADA.docx

  • View
    102

  • Download
    1

Embed Size (px)

Transcript

UNIVERSIDADE ANHANGUERA DE SANTO ANDR / SP

ENGENHARIA MECNICA

Daniel Barbosa da Silva Ra. 0909344631Renato Ra. 0000000000Robson Ra. 0000000000

ATPS DE MECNICA APLICADA

SANTO ANDR2013

Daniel Barbosa da Silva Ra. 0909344631Renato Ra. 0000000000Robson Ra. 0000000000

PROJETO DE FURADEIRA

ATPS da B2 para o curso de Engenharia Mecnica, da Faculdade Anhanguera Educacional.

Orientador: Daniel

SANTO ANDR2013SUMRIO

1Introduo12Objetivo13Memorial de Clculo, Diagramas e Tabelas24Concluso35Bibliografia3

22

1 Introduo

O processo mecnico de furao um dos mais simples e usuais encontrados na indstria. Aplicveis a diversos tipos de materiais, as furadeiras podem ser utilizadas tanto para a produo seriada como para a execuo de operaes especficas em ambientes como, ferramentarias, manuteno, pequenas empresas e oficinas diversas. Independente da opo escolhida, trata-se de um equipamento com extensa gama de aplicao.As furadeiras so usualmente mquinas de desbaste, onde as peas permanecem fixas enquanto a broca rotacionada e possui um sistema de avano promovido manualmente por um operador ou por meio de mecanismos automticos.Dentre as variaes encontradas na indstria, usual identificarmos as chamadas furadeiras de coluna e as furadeiras de bancada, sendo a principal diferena relacionada ao porte desses equipamentos. As furadeiras de coluna so mquinas operatrizes maiores, dedicadas normalmente a servios pesados e produo seriada, enquanto as furadeiras de bancada so equipamentos de menor capacidade dedicados a operaes mais simples em postos de trabalho normalmente manuais.Este projeto apresentar a proposta para a mecnica aplicada de uma furadeira de bancada de 6 velocidades.

2 Introduo terica

O processo mecnico de furao um dos mais simples e usuais encontrados na indstria aplicado em diversos tipos de materiais, este processo feito atravs de mquinas conhecidas como Furadeiras.Abaixo segue uma breve introduo sobre as Furadeiras e as ferramentas utilizadas no processo de furao.

2.1 Furadeiras;

As furadeiras so mquinas de desbaste que tm como funo principal a execuo de furos. Para que isso ocorra o motor da furadeira aplica uma alta velocidade de rotao a uma rvore que gira com velocidades determinadas, nesta arvore se fixam as ferramentas, conhecidas como brocas, estas so responsveis pela remoo do material desejado, as furadeiras podem tambm conter uma mesa onde se fixam ou se movimentam as peas a serem furadas. O avano da ferramenta difere do tipo de furadeira utilizada, esse avano pode ser realizado manualmente ou mecanicamente. Suas partes principais diferem conforme sua estrutura, conforme mostrado mais abaixo.As furadeiras podem ser utilizadas para a produo seriada ou para operaes especficas nas reas de ferramentaria e manuteno de grandes ou pequenas empresas ou em oficinas diversas. Para as diferentes condies de perfurao requeridas, foram criados diferentes modelos de furadeiras:

2.1.1 Furadeira Porttil;

A fora de avano vem do operador que fora a furadeira contra o material, enquanto a rotao vem de um motor da prpria furadeira. As furadeiras caseiras classificam-se como portteis. utilizada comumente em peas j montadas onde a posio do local a ser perfurado impede a utilizao de furadeiras mais precisas.

2.1.2 Furadeira Sensitiva;

Utilizada para pequenas perfuraes. O avano do mandril se d por meio de uma alavanca que o operador faz avanar aos poucos, assim sentindo o avano da broca dentro do material. Por isso leva o nome de sensitiva.

2.1.3 Furadeira de Coluna;

As furadeiras de coluna se caracterizam por apresentarem uma coluna de unio entre a base e o cabeote. Esse arranjo possibilita a furao de elementos com as formas mais diversificadas, singularmente e em srie.

2.1.4 Furadeira de Bancada;

So mquinas de pequenas dimenses onde o avano da broca feito manualmente. O seu motor tem capacidade geralmente em torno de 0,5 CV.

2.1.5 Furadeira Radial;

teis para trabalhos em peas que tm que passar por uma srie de operaes, como furar, contrapuncionar, mandrilar, alargar furos e rebaixar cnica e cilindricamente. O sistema de cabeote mvel elimina a necessidade de reposicionamento da pea quando se deseja executar vrios furos. Pode-se levar o cabeote a qualquer ponto da bancada, diminuindo o tempo de produo. Recomendada para peas de grandes dimenses, a serem furadas em pontos afastados da periferia.

2.1.6 Furadeira Mltipla de Cabeote nico;

Originaram-se da aplicao de cabeotes de vrios mandris a furadeiras de coluna. So mais teis em peas a serem produzidas em srie com necessidade de furao de muitos pontos em um ou vrios planos.

2.1.7 Furadeira Mltipla de Mltiplos Cabeotes;

Nessas furadeiras mais de um cabeote atacam a pea a ser perfurada, eliminando a necessidade de reposicionar e virar a pea a cada vez que o plano de perfurao for alterado. So utilizadas para economizar tempo, uma vez que o tempo total de perfurao fica condicionado ao furo mais profundo.

2.1.8 Furadeira de Comando Numrico;

Operam de acordo com um programa, possibilitando maior preciso e velocidade.

2.1.9 Furadeira de Arvores Mltiplas;

teis para trabalhos em peas que tm que passar por uma srie de operaes, como furar, contrapuncionar, mandrilar, alargar furos, rebaixar cnica e cilindricamente.

2.2 Brocas;

A broca uma ferramenta de corte geralmente de forma cilndrica, construdas conforme a norma NBR 6176 so fabricadas com ao rpido, ao carbono, ou com ao carbono com ponta de metal duro soldada ou fixada mecanicamente, destinada execuo de furos cilndricos.A broca do tipo helicoidal de ao rpido a mais usada em mecnica.Para fins de fixao e afiao, a broca dividida em trs partes: haste, corpo e ponta.A haste a parte que fica presa mquina. Ela pode ser cilndrica ou cnica, dependendo de seu dimetro.O corpo a parte que serve de guia e corresponde ao comprimento til da ferramenta. Quando se trata de broca helicoidal, o corpo tem dois canais em forma de hlice espiralada. No caso de broca canho, ele formado por uma aresta plana.A ponta a extremidade cortante que recebe a afiao e forma um ngulo que varia de acordo com o material a ser furado.

2.2.1 Caractersticas das brocas;

A broca caracterizada pelas dimenses, pelo material com o qual fabricada e pelos seguintes ngulos:a) ngulo de hlice auxilia no desprendimento do cavaco e no controle do acabamento e da profundidade do furo. Deve ser determinado de acordo com o material a ser furado: para material mais duro, ngulo mais fechado; para material mais macio, ngulo mais aberto. formado pelo eixo de simetria da broca e a linha de inclinao da hlice. Conforme o ngulo a broca classificada em N, H, W.Prtica Profissional: Mecnica

Ao-rpido.

Largamente empregado na fabricao de brocas (fcil reprocessamento e bons requisitos tcnicos).As ferramentas so temperadas, sofrem tratamento superficial (nitretao) e frequentemente so revestidas.Ferramentas no integrais.

As brocas so construdas conforme a norma NBR 6176. As nomenclaturas de suas partes e componentes correspondentes em termos usuais em mecnica esto apresentados a seguir:

Broca helicoidal com haste cilndrica

Broca helicoidal com haste cnica = ngulo de ponta = ngulo da aresta transversalPrtica Profissional: MecnicaPara fins de fixao e afiao, a broca dividida em trs partes: haste, corpo e ponta.A haste a parte que fica presa mquina. Ela pode ser cilndrica ou cnica, dependendo de seu dimetro.O corpo a parte que serve de guia e corresponde ao comprimento til da ferramenta. Quando se trata de broca helicoidal, o corpo tem dois canais em forma de hlice espiralada.A ponta a extremidade cortante que recebe a afiao. Forma um ngulo de ponta () que varia de acordo com o material a ser furado.

ngulo de broca corresponde ao ngulo formado pelas arestas cortantes da broca. Tambm determinado pela resistncia do material a ser furado. muito importante que as arestas cortantes tenham o mesmo comprimento e formem ngulos iguais em relao ao eixo da broca (A = A').Quando uma broca comum no proporciona um rendimento satisfatrio em um trabalho especfico e a quantidade de furos no justifica a compra de uma broca especial, pode se fazer algumas modificaes nas brocas do tipo N e obter os mesmos resultados.Pode-se, por exemplo, modificar o ngulo da ponta, tornando-o mais obtuso. Isso proporciona bons resultados na furao de materiais duros, como aos de alto carbono.Alm da broca helicoidal existem outros tipos de brocas para usinagens especiais, por exemplo:

Broca de centrar usada para abrir um furo inicial que servir como guia no local do furo que ser feito pela broca helicoidal. Alm de furar, esta broca produz simultaneamente chanfros ou raios. Ela permite a execuo de furos de centro nas peas que vo ser torneadas, fresadas ou retificadas. Esses furos permitem que a pea seja fixada por dispositivos entre pontas e tenha movimento giratrio. Broca escalonada simples e mltipla serve para executar furos e rebaixos em uma nica operao. empregada em grande produo industrial. Broca canho tem uma nica aresta cortante. indicada para trabalhos especiais como furos profundos, garantindo sua retitude, onde no h possibilidade de usar brocas helicoidais. Broca com pastilha de metal duro para metais - utilizada na furao de aos com resistncia trao de 750 a 1400 N/mm2 e aos fundidos com resistncia de 700 N/mm2 empregada tambm na furao de peas fundidas de ferro, alumnio e lato. Broca com furo para fluido de corte usada em produo contnua e em alta velocidade, principalmente em furos profundos. O fluido de cor