Aula capitulo 10

  • View
    256

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

capitulo 10

Transcript

  • 1. AGENTES FORMADORES E MODELADORES DO RELEVO TERRESTRE Elderson Bolsista PIBID elder.son@hotmail.com

2. So foras que criam e alteram o relevo modificando suas caractersticas, e podem agir no interior da Terra ( agentes internos) ou na superfcie terrestre (agentes externos ). 3. DINMICA INTERNA DA TERRA (MOVIMENTOS ENDGENOS) So foras internas que cria e modifica o relevo. QUAIS ? 4. FONTE:HTTPS://WWW.GOOGLE.COM.BR/SEARCH?Q=MOVIMENTOS+ENDGENOS&SOURCE=LN MS&TBM=ISCH&SA=X&EI=PMP0URUJG4R7KQE9KYC4AG&VED=0CACQ_AUOAQ&BIW 5. TECTONISMO (DIASTROFISMO) So os movimentos que deslocam as rochas que constituem a crosta terrestre; Esses movimentos podem ser Verticais (epirognicos) ou horizontais (orognicos). 6. EPIROGNICOS So movimentos que provocam abaixamento ou soerguimento da crosta terrestre; Ocorrem lentamente e em reas geologicamente estveis; Movimentos epirognicos pode ser causados pela transgresso e regresso marinha. 7. MOVIMENTOS EPIROGNICOS 8. OROGNICOS So movimentos responsveis pela formao de montanhas; So recentes em tempos geolgicos se comparado a idade da Terra; Transformam radicalmente a rea atingida, tanto a estrutura como a forma de relevo; Existem dois principais tipos de orogenia: os dobramentos e os falhamentos. 9. DOBRAMENTOS So submetidas a uma fora no interior da Terra, as rochas sofrem deformao e consequentemente impactando no relevo; Se essas rochas forem maleveis, formam-se as dobras ondulaes. 10. FALHAMENTOS Quando as rochas so submetidas a grandes foras; Elas acabam quebrando criando as falhas; Os tipos de falhas so: falha de cavalgamento, falha normal, falha inversa, falha de deslizamento. 11. VULCANISMO So atividades vulcnicas em que o magma alcana a superfcie terrestre; Localizados principalmente entre os limites de placas, e nessas reas so bem ativos. 12. Imagem de vulco 13. KAKRATOA 14. VULCES E PLACAS TECTONICAS A grande maioria dos vulces esto localizados nos limites de placas tectnicas; Porm, tambm possui vulces no interior de uma placa tectnica chamados vulces intraplacas; As atividades vulcnicas no interior dos continentes so raras, exceto na frica, que possui uma serie de vulces ativos. Explicado pelo fraturamento causado pela placa africana. 15. ILHAS VULCNICAS 16. HOTSPOT 17. CIRCULO DE FOGO So vulces no limite das placas tectnicas tambm chamado de circulo de fogo; Circulo de fogo do pacfico que se estende da cordilheira dos Andes at as Filipinas, oeste da Amrica do Norte e o Japo. 18. CIRCULO DE FOGO DO PACIFICO 19. Circulo de fogo do Atlntico: compreende toda a Amrica Central continental, ilhas do Caribe, Aores, Cabo Verde, Mediterrneo, e a regio do Cucaso, no sudeste da Europa. 20. Existem vulces tanto em placas divergentes como nas convergentes, quase 80% das manifestaes vulcnicas ocorrem no fundo do mar. 21. TERREMOTO Uma das manifestaes mais temveis e destruidoras , so causados pela ruptura das rochas, provocada por acomodaes geolgicas, ou pela movimentao das placas tectnicas.(ver imagem no livro p.111). 22. SISMOGRAFO 23. TERREMOTO HAITI 2012 24. DINAMICA EXTERNA DA TERRA (AGENTES EXOGENOS) O trabalho desses agentes degastar, destruir e reconstruir as formas de relevo na superfcie terrestre. Os dois agentes externos so o intemperismo e a eroso. 25. INTEMPERISMO Processos que causam a decomposio ou a desintegrao dos minerais que compem a rochas. Pode se dar por trs maneiras : Fsico, Qumico, Biolgico. Fsico : congelamento da gua; Qumico: a gua quando entra em contato com os minerais alteram sua composio desagregando partculas; Biolgico: os seres vivos. 26. EROSO Compreende em trs etapas: desgaste, transporte e deposio de materiais. Os principais tipos de eroses so: gua da chuva, enxurradas, do gelo, dos rios, mares e oceanos. As eroses podem ser: pluvial, fluvial, marinha, glacial, elica. 27. EROSO PLUVIAL Resultado das guas da enxurrada e pode ser: Superficial: leva partculas do solo, principalmente se no houver uma cobertura vegetal. Laminar: maior que a superficial e carrega maior quantidade de sedimentos. Sulcos: quando abre pequenos buracos no solo. Ravinamento: abre grandes crateras, so as chamadas voorocas. 28. DESLIZAMENTOS Ocorrem principalmente em reas inclinadas. Representam reas de risco, principalmente em pocas de forte chuva. 29. DESLIZAMENTO RIO JANEIRO 2010 30. EROSO FLUVIAL A gua dos rios escavam os leitos do rios, implica tambm no transporte e acumulao de sedimentos. Formando os vales ( ver p.113). 31. EROSO MARINHA Podem ser destrutiva ou construtiva. O exemplo de eroso marinha construtiva so as praias do litoral. A eroso marinha destrutiva o desgaste provocado pela gua marinha na costa, tambm chamado de falsias. 32. ABRASO MARINHA 33. EROSO GLACIAL O gelo modela o relevo atravs das geleiras Possui dois tipos de geleiras Continentais: localizadas em regies de altas latitudes, como a Antrtida a Groelndia. Nessas geleiras formam os icebergs Geleiras Alpinas: localizadas nas grandes cadeias montanhosas, quando desgelam carregam fragmentos de rocha, fraturando as rochas por onde passam. 34. EROSO ELICA Causado pelo vento atua principalmente nos desertos e nas praias. Trabalha em duas formas: Destruio: quando retira e transporta partculas finas da rochas, tambm ocorre quando o vento lana essas partculas de rocha contra outras rochas. Esculpindo o relevo. Acumulao: quando ele deposita os materiais que carrega, como as dunas que mudam de lugar conforme o vento. 35. DUNAS 36. FIM 37. REFERNCIAS ALMEIDA, Lcia Marina. Fronteira da Globalizaco. So Paulo: tica, 2010. http://www.youtube.com/watch?v=lUuP4ADPLb c&hd=1 http://www.youtube.com/watch?v=XovXSGTfa mM Google imagens.