Ppt por carla de oliveira tozo tr 36 educomunicacao e terceiro entorno - grupo 1[1]

  • View
    1.591

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Ppt por carla de oliveira tozo tr 36 educomunicacao e terceiro entorno - grupo 1[1]

  • 1. Educomunicao e Terceiro Entorno Ismar de Oliveira Soares coordenador do NCE Ncleo de Comunicao e Educao da USP Por Carla de Oliveira Tzo jornalista e professora universitria

2. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • O autor explica aeducomunicao e sua relao com a tecnologia. Para isso, trabalha com o conceito de Terceiro Entorno, de Javier Echeverra e de Ecossistema Comunicativo, de Jess Martn Barbero, passando tambm pela Teoria da Ao de Umberto Galimberti.
  • A teoria da ao (Galimberti) afirma que o homem mantm uma dependncia estreita e casual em relao tcnica. A teoria explica que os acertos e erros diante os diversos estmulos e possibilidades fez com que o homem se distanciasse das suas necessidades imediatas criando em seu lugar procedimentos ou tcnicas (tecnologia) para dominar a terra e construir a cultura.

3. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Galimberti chama a ateno para a dependncia da tecnologia e faz a seguinte observao: A pergunta no mais o que ns podemos fazer com a tcnica?, mas O que a tcnica pode fazer conosco?
  • Javier Echeverra explica que vrios ecossistemas globais abrigam o homem e suas culturas, definindo-se como esferas de vida e de convivncia, seriam: 1, 2 e 3 Entorno (apenas o ltimo utilizado nesse artigo para explicar a educomunicao).

4. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • 1 Entorno = ambiente natural/corpo (famlia, tribo, costumes, lngua...)
  • 2 Entorno = ambiente da cidade/vida urbana (mercado, empresa, fbrica, religio, economia...)
  • 3 Entorno = conjunto dos instrumentos e meios de comunicao e para isso o homem faz uso de sete tecnologias: telefone, rdio, televiso, dinheiro eletrnico, redes telemticas, multimdia e hipertexto.

5. 1 ENTORNO 6. 2 ENTORNO 7. 3 ENTORNO 8. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Ismar ressalta que os trs Entornos (natureza, espao urbano e ciberespao) devem ser vistos de forma simultnea porque o terceiro Entorno a soma de todos os espaos e situaes.
  • Os Entornos surgiram em resposta s nossas necessidades de sobrevivncia coletiva.
  • Echeverra/Levy = o primeiro menos otimista em relao ao segundo e acredita que o ecossistema criado pela tecnologia nos deixa to presos quanto a sociedade comum. Passamos a ser influenciados pela comunicao. somos telepolistas cidados passivos da cidade virtual.

9. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • O ecossistema comunicativo (Barbero) trata da relao tcnica/cultura, homem/mquina.O lugar da cultura na sociedade se modifica quando a mediao tecnolgica da comunicao deixa de ser meramente instrumental para converter-se em estrutural (...) Ao definir a tecnicidade como elemento estruturante da cultura, Barbero a v como um novo objeto de reflexo e de pesquisa. - SOARES
  • Ex: computador. No apenas uma mquina, mas um novo tipo de tecnicidade que muda o processamento de informao, criando uma nova relao entre o crebro e a informao.
  • O processo do saber hoje diferente... Ele disperso, fragmentado. A informao liga e desliga as pessoas com a mesma fora.

10. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Aps essa introduo questiona-se a relao entre educomunicao e Terceiro Entorno.
  • O que deve-se ter em mente de imediato que a tecnologia no a salvadora da ptria, j que, os mtodos tradicionais educativos esto cada vez mais defasados.
  • A discusso entender como fazer um bom uso dessa tecnologia, das ferramentas comunicacionais... Como implementar um processo realmente educomunicativo.
  • EX: viso da tecnologia - Peru (salvador, cita cenrios cibereducativos); Mxico (vence o deslumbramento e busca poltica pblica e no apenas o uso do equipamento)

11. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Conceito de Educomunicao -
  • Textos da Unesco e Kapln usaram o termo adequadamente para designar as aes voltadas para a leitura crtica da comunicao ou educao para os meios
  • J o NCE/USP passou a defini-lo da seguinte forma :
  • Conjunto de aes inerentes ao planejamento, execuo e avaliao de produtos e processos voltados para a criao e desenvolvimento de ecossistemas comunicativos abertos e criativos, em espaos educativos (formais, no formais ou, mesmo, informais), mediados pelas tecnologias da informao, mediante uma gesto democrtica e compartilhada de tais recursos, tendo como meta a ampliao do coeficiente comunicativo dos sujeitos e a prtica plena da cidadania

12. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Em seguida o autor trabalha e definio em partes: o que ; onde; em que contexto; como; com que objetivos?
  • O que : conjunto das aes inerentes ao planejamento, execuo e avaliao de produtos e processos voltados para a criao e desenvolvimento de ecossistemas comunicativos abertos e criativos.
  • - no so aes isoladas, mas um paradigma orientador (polticas, pessoas, processos e produtos);
  • - todos os polos do processo educativo so produtores de cultura, simultaneamente ensinam e aprendem;
  • - as relaes so abertas, criativas, democrticas;

13. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Onde :nos espaos educativos, quer os formais (sistema regular de ensino, presencial ou a distncia), quer os no formais (via educao popular), ou mesmo as informais (mdia e seus equipamentos)
  • Em que contexto : mediados pelas tecnologias da informao.
  • - no est subordinada a nenhuma das trs esferas ou Entornos... Mas com a era da informao, a comunicao e suas tecnologias passa a ser o grande tema transversal de todo processo educativo.
  • - a educomunicao no privilegia nenhum tipo de recurso.

14. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • Como : mediante uma gesto democrtica e compartilhada dos recursos da informao.
  • - tecnologia sim, mas no exclusivamente para melhorar a didtica do professor ou para tornar o processo de aprendizagem mais rpido... Serve para dar a comunidade um espao para o exerccio da liberdade comunicativa.
  • Com que objetivo : tendo como meta a ampliao do coeficiente comunicativo dos sujeitos e a prtica plena da cidadania.
  • - Naes Unidas reconhece o direito informao e a educomunicao apresenta-se como um conjunto de procedimentos capaz de permitir esse aprendizado, de entender o fenmeno comunicativo e de como fazer uso dessa informao.

15. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • A prtica educomunicativa se d no mbito de algumas reas de interveno scio-educativas:
  • 1- a rea da educao para a comunicao (media education);
  • 2- a rea da mediao tecnolgica nos espaos educativos (influncia da tecnologia);
  • 3- a rea da expresso comunicativa atravs das artes;
  • 4- a rea da gesto dos processos e recursos da informao;
  • 5- a rea da reflexo epistemolgica;
  • Educomunicadores = preocupao com a democratizao do acesso informao, ajudando a formar valores solidrios e democrticos para a transformao do ambiente em que vivem.

16. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • O educomunicador:
  • - opta por trabalhar em equipe, respeitando as diferenas;
  • - valoriza o erro como parte do processo de aprendizagem;
  • - desenvolve projetos voltados para a transformao social;
  • Educomunicao e Terceiro Entorno- A relao se d na mediao tecnolgica e na gesto comunicativa;
  • Na educomunicao/jornalismo pblico (Quadros) os meios de comunicao so convidados a criar uma agenda de cidados, o que levaria a um contato permanente para identificar seus interesses e problemas;
  • A Internet seria a responsvel pela mensagem dialgica (redes sociais, blogs...)

17. EDUCOMUNICAO E TERCEIRO ENTORNO

  • NCE/USP (educomunicao) + Jornalismo Pblico (Quadros) se casam com a proposta do Terceiro Entorno, em favor de uma perspectiva de se ampliar o potencial comunicativo dos indivduos e grupos, especialmente os que compem as novas geraes.