Livro Santana de Parnaiba 1 17/07/14 11: ·

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Livro Santana de Parnaiba 1 17/07/14 11: ·

  • Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 1 17/07/14 11:16

  • A incrvel histria de Santana do Parnaba

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 2 17/07/14 11:16

  • RICARDO VIVEIROS

    A incrvel histria de Santana do Parnaba

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 3 17/07/14 11:16

  • Copyright 2013 by Ricardo Viveiros

    1 edio Agosto de 2014

    Grafia atualizada segundo o Acordo Ortogrfico da Lngua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009

    Editor e PublisherLuiz Fernando Emediato

    Diretora EditorialFernanda Emediato

    Produtora Editorial e GrficaPriscila Hernandez

    Assistente EditorialAdriana Carvalho

    Carla Anaya Del Matto

    CoordenaoRicardo Viveiros

    Pesquisa HistricaDalton Sala, Jos Sergio Rochae Ralph Mennucci Giesbrecht

    AssistentesAgacir Soares Eleutrio, Fbio das Neves Donadio, Izes Bastianon Chaves Oliveira,

    Jos Francisco Scarpa e Mnica Cardozo da Silva

    FotografiasPesquisa Iconogrfica

    Capa e Projeto GrficoAlan Maia

    DiagramaoKauan Sales

    RevisoDaniela Nogueira Josias A. Andrade

    DADOS INtERNACIONAIS DE CAtALOGAO NA PuBLICAO (CIP)(Cmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

    Viveiros, RicardoA vila que descobriu o Brasil : a incrvel histria de Santana de

    Parnaba / Ricardo Viveiros. Gerao Editorial, 2014.

    Bibliografia.ISBN 9788581302256

    1. Brasil Histria 2. Santana de Parnaba (SP)I. Ttulo.

    1400463 CDD: 981.552

    ndices para catlogo sistemtico

    1. Santana de Parnaiba : So Paulo : Histria 981.552

    GERAO EDItORIALRua Gomes Freire, 225 Lapa

    CEP: 05075 010 So Paulo SPTelefax: (+ 55 11) 3256 4444

    E-mail: geracaoeditorial@geracaoeditorial.com.brwww.geracaoeditorial.com.br

    Impresso no BrasilPrinted in Brazil

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 4 17/07/14 11:16

  • 5

    aGRaDECImENtos...........................................................9

    pREFCIo ................................................................... 15

    INtRoDuo: A tentativa de dividir o mundo ............................ 21

    Captulo 1: a CaPitania.............................................. 27

    Captulo 2: os Primeiros donos................................ 33

    Captulo 3: a Colonizao do Planalto................. 37

    Captulo 4: as revoltas indgenas............................. 43

    Captulo 5: o nome ParnaBa..................................... 47

    Captulo 6: a ConFisso de suzana dias.................... 51

    Captulo 7: a Fundao de santana de ParnaBa...... 55

    Captulo 8: andr Fernandes.................................... 65

    Captulo 9: a FeBre do ouro..................................... 71

    Captulo 10: quem desCoBriu Primeiro?.................... 75

    s U M r i o

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 5 17/07/14 11:16

  • 6

    Ricardo ViveirosA vila que descobriu o Brasil

    Captulo 11: Como eram as Bandeiras....................... 79

    Captulo 12: Paulistanos e ParnaiBanos................... 83

    Captulo 13: o melhor amigo do rei......................... 89

    Captulo 14: Buenos e anhangueras......................... 91

    Captulo 15: sonhando Com esmeraldas.................. 93

    Captulo 16: as Cidades ParnaiBanas....................... 99

    Captulo 17: o Po nosso da eConomia...................109

    Captulo 18: o homem que Pagou Pelo Povo...........115

    Captulo 19: oPulnCia nas gerais...........................119

    Captulo 20: a guerra dos emBoaBas.......................123

    Captulo 21: a lenda da serra dos martrios..........129

    Captulo 22: o morgado e a deCadnCia.................131

    Captulo 23: aventuras do tenente-Coronel PoliCarPo...135

    Captulo 24: o regente Feij....................................141

    Captulo 25: maneCo msiCo e seu Filho toniCo.....145

    Captulo 26: o CaF e o trem....................................149

    Captulo 27: o Cemitrio e o Coreto.......................157

    Captulo 28: luzes da Cidade...................................165

    Captulo 29: um dia ruim na vida do PreFeito.........171

    Captulo 30: Coisas da PoltiCa...............................175

    Captulo 31: a ProCisso e o samBa..........................183

    Captulo 32: o tenente marques e o tramway...........187

    Captulo 33: a histria do taPete............................189

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 6 17/07/14 11:16

  • 7

    Sumrio

    Captulo 34: 200 anos em 20.....................................191

    Captulo 35: Como surgiu a Fazendinha.................197

    Captulo 36: uma saga moderna..............................201

    Captulo 37: o sonho do lugar ideal.....................205

    Captulo 38: o reenContro.....................................221

    apNDICE I PreFeitos de santana de ParnaBa ......229

    apNDICE II PoliCarPo, CulPado ou inoCente? ....233

    BIBlIoGRaFIa..............................................................257

    JornAis e revistAs ...............................................257

    Livros ................................................................264

    DoCUMentos .......................................................274

    teses ..................................................................275

    DePoiMentos PessoAis ........................................275

    internet ............................................................276

    NDICE oNomstICo ....................................................277

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 7 17/07/14 11:16

  • Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 8 17/07/14 11:16

  • 9

    F eliz do homem que escreve movido pela paixo. uma ddiva conhecer Santana de Parnaba. Em 2003, publi-quei a histria de Alphaville 30 anos de um sonho que se tornou realidade, modelo internacional de urbanismo mo-derno. Alphaville , apenas, um bairro de Santana de Parnaba.

    Assim, ao estudar a histria da regio, nasceu a ideia deste novo livro.

    Os historiadores Dalton Sala e Ralph Menucci, respeitados nomes da literatura no gnero, to logo lhes falei a respeito do livro, entusiasmaram-se em realizar o complexo trabalho de pes-quisa. Meus agradecimentos a eles so, tambm, extensivos s professoras Agacir Soares Eleutrio, Mnica Cardozo da Silva e Izes Bastianon Chaves Oliveira, pela fase complementar de inves-tigao histrica, na qual se destaca o criterioso levantamento de fotos e documentos que compem a iconografi a do livro.

    No poderia deixar de agradecer o inestimvel apoio de toda a populao da cidade, valiosa ajuda para que este livro tenha se tornado realidade.

    A g r A D e C i M e n t o s

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 9 17/07/14 11:16

  • 1 0

    Ricardo ViveirosA vila que descobriu o Brasil

    O reconhecimento, ainda, aos companheiros de trabalho, na Ricardo Viveiros & Associados Oficina de Comunicao, que permitiram com seu talento, competncia e dedicao meu distanciamento do dia a dia da empresa para dedicar vrios meses, com exclusividade, histria de Santana de Parnaba. Na pessoa do meu amigo pessoal e diretor de Operaes da empresa, jorna-lista Marco Antonio Eid, abrao a todos.

    Meu agradecimento minha mulher, Mrcia, aos meus filhos Felipe e Miguel, e aos meus netos Juliana e Lucas, que souberam, mais uma vez, entender que o extenuante ofcio de escrever do ma-rido, do pai e do av por vezes exige a necessria ausncia (mesmo estando presente) para que pudesse mergulhar em to complexa e alentada obra. Por toda a compreenso recebida, dedico este livro minha famlia que sempre me cerca de carinho e apoio no, nem sempre compreendido, trabalhoso ofcio de escritor.

    Finalmente, a emocionada recordao de meu filho Ricardo que, com apenas 26 anos, morreu com a filha caula, Mariana, de poucos sete meses, vtimas da violncia de So Paulo, a metrpole. Ele, inspirado artista grfico, estaria feliz com o resgate desta his-tria de Santana de Parnaba um lugar onde se pode residir e trabalhar em paz cercado de boas pessoas, ouvindo os pssaros sob a sombra das rvores, como ele sempre gostou de estar e so-nhou viver, por muitos anos, ao lado da mulher e dos filhos.

    Ricardo Viveiros

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 10 17/07/14 11:16

  • O museu de arte sacra de So Paulo e a Biblioteca Histrica Paulista cederam vrias imagens aqui reproduzidas. Agradecemos a estas duas instituies e aos seguintes amigos que tambm contriburam generosamente com fotos e ilustraes de sua propriedade que usamos neste livro:

    Ana de Oliveira Dglio, Anna Margarida de Jesus, Antonina

    Gilka Pollice Botelho, Cacilda Oliveira Silva, Celso Lus

    Salvador, Dbora Salvador Chaves de Campos, Dirce Antunes

    de Siqueira Rosin, Edimia Aparecida da Silva, Holmes Villar

    Filho, Iracema Cardoso, Jos Fbio Silva, Luiz Antnio de

    Souza, Maria Aparecida da Silva Branco, Maria Apparecida de

    Miranda, Maria Isabel Serra de Freitas, Marta de Azevedo

    Rodrigues, Norberto Machado, Oberdan Miguel de Camargo,

    Ophlia Moraes Moreira, Pedro do Canto Filho, Rodolpho

    Cremm, Rosely Maria da Silveira Oliveira Salles, Roseny

    Aparecida Oliveira Pinto, Sidney Antonio S. Pontes, Takuro

    Kawamoto e Wilma da Silva Bucci.

    Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 11 17/07/14 11:16

  • Livro_Santana_de_Parnaiba_02REV050514.indd 12 17/07/14 11:16

  • O autor estende seus agradecimentos aos depoentes que, fornecendo informaes relevantes sobre os di-versos perodos histricos, deram sua contribuio a este livro:

    Alosio Camilo, Ana Margarida de Jesus, ngelo March