Projeto feira de ciências (tecnologia e vida).pptx

  • View
    22.879

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Projeto feira de ciências (tecnologia e vida).pptx

Apresentao do PowerPoint

Pensamento

preciso criar pessoas que se atrevam a sair das trilhas aprendidas, com coragem de explorar novos caminhos, pois a cincia construiu-se pela ousadia dos que sonham e o conhecimento a aventura pelo desconhecido em busca da terra sonhada.Rubem Alves

Justificativa O aprimoramento do educando como pessoa humana, incluindo a formao tica e o desenvolvimento da autonomia intelectual e do pensamento crtico constitui uma das finalidades da Educao Bsica, assim como a compreenso dos fundamentos cientfico-tecnolgicos dos processos produtivos, relacionando a teoria com a prtica. A Escola Corao de Maria, entendendo a educao como uma prtica humana, social, ligada a processos de comunicao e interao que propiciam a assimilao e produo de saberes, habilidades, tcnicas, atitudes e valores, buscando realizar nos sujeitos humanos a humanizao plena, e considerando a marcante e controversa presena da tecnologia na vida do homem contemporneo, especialmente na dos jovens, elegeu o tema Tecnologia e Vida: Construindo ideias para o seu Projeto da VII Amostra Cultural do ano de 2014.

Apresentar propostas e alternativas de utilizao do conhecimento e da tecnologia para melhorar a vida do homem e das geraes futuras, sem agredir o ecossistema e sua prpria existncia, bem como avaliar criticamente o uso adequado da tecnologia, considerando a relevncia dos interesses humanitrios sobre os interesses econmicos.

OBJETIVO GERAL

OBJETIVOS Compreender cincia como o conjunto de conhecimentos sistematizados, produzidos socialmente ao longo da histria, na busca da compreenso e transformao da natureza e da sociedade. Compreender tecnologia como a transformao da cincia em fora produtiva ou mediao do conhecimento cientfico e a produo, marcada, desde sua origem, pelas relaes sociais que a levaram a ser produzida. Reconhecer a importncia e contribuies da cincia e da tecnologia para a valorizao da vida em nosso planeta e para a humanizao plena dos sujeitos humanos.

PBLICO-ALVO Buscaremos instigar a busca pelo conhecimento dos alunos da Escola Corao de Maria desde a Educao Infantil ao Ensino Fundamental II, bem como levar este conhecimento adquirido aos educando visitantes.

MetodologiaA divulgao da proposta geral do trabalho aos professores e alunos da escola ser feita pela Coordenao, observando as seguintes diretrizes: Cada turma ir se organizar em grupos de no mnimo 3 (trs) e no mximo 5 (cinco) alunos para a apresentao do trabalho. A forma de apresentao dos trabalhos ficar a critrio da criatividade de cada grupo. Todas as disciplinas devero estar envolvidas no projeto. Todos os alunos tm de participar de um trabalho relativo ao Projeto, que dever envolver conhecimentos Dados os temas que daro origem pesquisa e o levantamento de perguntas/questes, o grupo dever, junto aos professores, verificar a melhor maneira de desenvolverem o trabalho. O trabalho produzido pelos grupos ser apresentado na Feira Cultural. Todos os componentes dos grupos tm de estar presentes durante todo o perodo do evento e participar das explicaes sobre a pesquisa aos professores, avaliadores ou no, e aos visitantes. A realizao dos trabalhos ser acompanhada pelos professores, proporcionando aos grupos de alunos orientao e apoio. Esse acompanhamento objetiva o desenvolvimento de pesquisas com o aprofundamento e seriedade necessrios e de forma a que cheguem, de fato, autoria coletiva de uma produo que expresse as concluses do grupo.

Cronograma AtividadesAgoSetOutI- Apresentao do esboo do Projeto aos educadores.XII- Divulgao do projeto e apresentao de Temas para as turmas (aps as avaliaes contnuas mensais)XIII- Estudo e preparao do material para a amostra (Recursos ofertados pela escola)XIV- Acompanhamento e questionamentos sobre pontos positivos e negativos de trabalhos nas turmas.XV- Realizao da Amostra Cultural (aps as avaliaes contnuas mensais)XVI- Avaliao da realizao da Amostra Cultural.X

DESENVOLVIMENTO A realizao dos trabalhos inscritos ser acompanhada pelos professores, proporcionando aos grupos de alunos orientao e apoio. Esse acompanhamento objetiva o desenvolvimento de pesquisas com o aprofundamento e seriedade necessrios e de forma a que cheguem, de fato, autoria coletiva de uma produo que expresse as concluses do grupo.

APRESENTAO NA FEIRA CULTURAL Apresentao da Feira Cultural ser no dia __________ de Outubro de 2014.Nos horrios: Manh: _______ _______ Tarde: _______ ________.

AVALIAO

A. Critrios Os trabalhos sero avaliados de acordo com os critrios definidos a seguir: importncia e organizao da pesquisa; cumprimento das tarefas estabelecidas participao e integrao do grupo de pesquisa em todas as etapas do desenvolvimento; adequao e organizao do material utilizado para a exposio do trabalho na Feira Cultural; criatividade quantos aos recursos utilizados para a apresentao do trabalho.

B. Atribuio de Notas A nota final do trabalho de cada grupo ser atribuda atravs da soma dos pontos obtidos em cada um dos critrios estabelecidos, avaliados na etapa de desenvolvimento e na Feira Cultural, seguindo a lista abaixo. A pontuao relativa a cada critrio poder variar de acordo com a escala apresentada a seguir.

A nota final da apresentao do dia da Feira ser a mdia aritmtica simples obtida entre as notas atribudas pelos professores avaliadores.

AVALIAOCritrio Feira Participao e integrao do grupo 5 a 10 Adequao e organizao do material utilizado para a exposio do trabalho 5 a 10 Criatividade 5 a 10 Apresentao 5 a 10 Total

AVALIAO

C. Utilizao da nota dos trabalhos realizados A nota final do trabalho apresentado na Feira Cultural ir compor a nota da Parcial 5 em todas as disciplinas envolvidas, atravs da mdia aritmtica simples com a nota de trabalhos e avaliaes do bimestre.EX: Trab. 1 + Aval. 1 + Trab. 2 + Aval. 2 + Md. Parc. da Feira : por 5 = MB

Diviso de Temas por TurmaInfantil II e III Caracterizao dos personagens de HistorinhasProjeto Leitura: Fbula Modernizao de uma fbula A tartaruga e a lebre.Contos Reconto do conto da Chapeuzinho Vermelho.Lendas Redescobrindo o Folclore Travessuras do Saci.HQ Escritores: Ziraldo e Maurcio de Souza.

Diviso de Temas por TurmaInfantil IV Tapete de LeituraContao de Histrias;Exposio de alguns livros infantis;Apresentao de histrias ilustradas;

Diviso de Temas por TurmaInfantil V e 1 AnoRetrospectiva do livro de historinhas do Infantil V;Linha do Tempo da escola ( Primeiras turmas e livrinhos produzidos mostradas em vdeo;Exposio de fotos do evento Escritores...

Diviso de Temas por Turma2 e 3 AnoEcologia* Poluio (gua, solo, ar) a partir do uso da tecnologia;* Desmatamento;* Os 3Rs;* Aquecimento global.

Diviso de Temas por Turma4 e 5 AnoSade* Tecnologia na medicina para a produo de medicamentos; possveis curas e prevenes para doenas;* Evoluo de aparelhos;* Investimentos do governo para a formao de profissionais da sade.* Especialidades mdicas;

Diviso de Temas por Turma6 Ano - CINCIAS DA GEOGRAFIA - Prof. ReginaCamadas atmosfricas;Radiossondas; Satlites artificiais; Histrico da criao e lanamento de satlites no espao; Coordenadas Geogrficas;Preciso do uso do GPS;

Diviso de Temas por Turma7 Ano TECNOLOGIA NA SEGURANA - Prof.: WellingtonMarco Civil (Lei);Segurana virtual (prestao de servios, clonagem; tipos de vrus...);Segurana fsica (rastreamento; segurana em cofres bancrios);

Diviso de Temas por Turma8 Ano REDES SOCIAIS: Fonte de Conhecimento Prof. ValdiraHistrico das redes sociais;Pedofilia;Prestao de servios;Mensagens em Spam;Linguagem nas redes sociais.

Diviso de Temas por Turma9 Ano CINCIAS DA COMPUTAO Prof.: Netinho e Carlos EduardoOrigem da mquina (baco/calculadora/ meios modernos);Histrico sobre Bill Gates e Bolsa de Valores;Arquitetura de um computador (O que : fsico e virtual/ Um servidor? / Uma rede? / Trfico de dados? / Tipos de memria RAM ROM SSD? / )Evoluo dos processadores;Clculo binrio;Linguagens da computao;Fonte; Conveno de voltagem;Resistncia;Quilowats;

Sugesto de blusa para Feira

Sugesto de blusa para Feira