Cad Questoes

  • View
    1.680

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

ConCurso PbliCo1. Prova objetivainsPetor de segurana nvel ivoCreCebeusuafolhaderesPostaseesteCaderno Contendo 40 questes objetivas.Confira seu nome e nmero de insCrio imPressos na CaPa deste Caderno.leia Cuidadosamente as questes e esColha a resPosta que voC Considera Correta.resPonda a todas as questes.marque,nafolhaintermediriaderesPostas,quese enContra no verso desta Pgina, a letra CorresPondente alternativa que voC esColheu.transCrevaParaafolhaderesPostas,ComCanetade tinta azul ou Preta, todas as resPostas anotadas na folha intermediria de resPostas.a durao da Prova de 3 horas.asadadoCandidatodoPrdioserPermitidaaPs transCorrida a metade do temPo de durao da Prova.ao sair, voC entregar ao fisCal a folha de resPostas e este Caderno, Podendo destaCar esta CaPa Para futura ConfernCia Com o gabarito a ser divulgado.aguarde a ordem do fisCal Para abrir este Caderno de questes.21.02.20102CGSP0901/01-InspSegIConCurso PbliCo1. Prova objetivainsPetor de segurana nvel iQUESTORESPOSTA0102030405A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E0607080910A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E1112131415A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E1617181920A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D EQUESTORESPOSTA2122232425A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E2627282930A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E3132333435A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D E3637383940A B C D EA B C D EA B C D EA B C D EA B C D EQUESTORESPOSTA3CGSP0901/01-InspSegILNGUA PORTUGUESALeia a charge para responder s questes de nmeros 01 e 02.ESTOUPREOCUPADOCONTIGO...AquecimentoGlobal ameaavida noplaneta...(www.acharge.com.br)01.Observando o pensamento da planta e o do menino, correto afirmar que eles externam sentimentos(A)ambguos.(B)recprocos.(C)auspiciosos.(D)paradoxais.(E)indecifrveis.As questes de nmeros 02 a 10 baseiam-se no texto de Ed Mi-liband, mestre em economia pela London School of Economics, ministro de Energia e Mudanas Climticas do Reino Unido.Copenhague o ponto de virada para o climaTendo chegado a uma cidade sitiada por pessoas e papis, j tenho certeza de uma coisa: Copenhague no apenas mais uma negociao internacional. um momento de escolha crucial para todosns.Eestoucertodequefaremosaescolhacerta.Inde-pendentemente do sucesso das negociaes, o mundo ser muito diferente at o meio deste sculo.Nossas escolhas determinaro como sero essas mudanas. Podemos escolher o futuro que queremos para ns e nossos filhos oupodemosdeixarqueescolhamumfuturomenospositivoe mais sombrio.Se formos bem-sucedidos no combate s mudanas climticas, o mundo ter sido transformado pelos nossos esforos. Naes terotrabalhadojuntasparareduzirsuasemissesdecarbono. Teremosconstrudoumsistemadeenergianeutroemcarbono comnovosempregosenovocrescimento.Teremoscriadoum variado leque de tecnologias de baixo carbono. Nossas economias teromaisseguranaenergtica. Acooperaotervencidoas rivalidades.Sefalharmos,omundojestarvivendoumaumentode temperatura de 2 C. E estar irreversivelmente destinado a um aumento de 4 C e alm. O mapa que o MetOffice lanou recente-mente mostra que mundo inimaginvel ser este com enchentes e secas tornando gua e alimento escassos para centenas de milhes de pessoas. A competio por recursos ter vencido a cooperao.Essassoasescolhas quetemosdefazeremCopenhague. Temos a tecnologia e, apesar da recesso, a transformao neces-sria do nosso sistema de energia factvel. A questo se teremos vontade poltica coletiva suficiente.(Folha de S.Paulo, 13.12.2009)02.Relacionandoo3.pargrafodotextocharge,correto afirmar que(A)ambos apresentam um cenrio pouco animador do mun-do, o que se v tambm no 4. pargrafo.(B)ambos trazem uma viso positiva do futuro, enfatizando que no h que se preocupar com as mudanas climticas.(C)ele apresenta um cenrio de incertezas, com informaes contundentes sobre a vida do planeta num futuro prximo.(D)ambos sinalizam um futuro de significativa degradao, decorrente das mudanas climticas j hoje existentes.(E)elaexpressaumpessimismoqueestausentenesse pargrafo, mas vem demarcado no pargrafo seguinte.03.De acordo com o autor, Copenhague representa um momento(A)decisivo para se resolver a questo do clima.(B)de discusses incuas sobre a questo do clima.(C)inadequado para se discutir a questo do clima.(D)pouco marcado por discusses econmicas e polticas.(E)no marcado pela negociao internacional.04.A leitura do texto permite afirmar que, combatendo as mu-danas climticas, pretende-se que(A)as pessoas optem pela manuteno do carbono no ar.(B)se construa um sistema de energia a partir do carbono.(C)as enchentes e as secas sejam evitadas com o carbono.(D)menos carbono seja liberado na atmosfera terrestre.(E)as rivalidades pela posse do carbono sejam acirradas.05.Em Podemos escolher o futuro que queremos para ns e nossosfilhosoupodemosdeixarqueescolhamumfuturo menos positivo e mais sombrio. a conjuno ou estabelece entre as oraes uma relao de(A)adio, indicando os dois tipos de futuro com os quais as pessoas devero se defrontar em breve.(B)adversidade,indicandoasduasinformaesquese opem conforme o tipo de futuro descrito.(C)alternncia, indicando as duas informaes que compem as opes sobre o futuro desejado.(D)causa,indicandoosmotivosquelevaroaspessoasa terem de escolher um dos futuros possveis.(E)consequncia,indicandoosdesastresqueadviroao mundo, no futuro, pela ignorncia das pessoas.4CGSP0901/01-InspSegI06.Assinaleaalternativaemqueafraseestcorretaquanto regncia e ao uso ou no do acento indicativo da crase.(A)Tendo chegado a capital dinamarquesa sitiada por pessoas e papis, j tenho certeza que Copenhague no apenas mais uma negociao internacional.(B)Tendo chegado esta capital sitiada por pessoas e papis, j tenho certeza de que Copenhague no apenas mais uma negociao internacional.(C)Tendo chegado quela cidade sitiada por pessoas e papis, j tenho certeza que Copenhague no apenas mais uma negociao internacional.(D)Tendo chegado capital dinamarquesa sitiada por pes-soas e papis, j tenho certeza de que Copenhague no apenas mais uma negociao internacional.(E)Tendo chegado a bela capital dinamarquesa sitiada por pessoasepapis,jtenhocertezadequeCopenhague no apenas mais uma negociao internacional.Para responder s questes de nmeros 07 e 08, considere o trecho:Se formos bem-sucedidos no combate s mudanas climticas, o mundo ter sido transformado pelos nossos esforos.07.O tempo verbal composto ter sido indica ao(A)concluda no tempo presente, em funo da informao apresentada na orao inicial do trecho.(B)possvel de ocorrer no futuro, como decorrncia da hi-ptese apresentada na orao inicial do trecho.(C)emandamentonotempopresenteequesefindarno futuro,comocausadoqueseafirmanaoraoinicial do trecho.(D)impossvel de ocorrer no passado e, por essa razo, sem previsoparaofuturo,conformeseafirmanaorao inicial do trecho.(E)concludanopassadoe,portanto,podendoocorrerno futuro, conforme se afirma na orao inicial do trecho.08.Em voz ativa, a segunda orao do perodo assume a seguinte redao:(A)o mundo se transformar com os nossos esforos.(B)os nossos esforos transformaro o mundo.(C)os nossos esforos tero transformado o mundo.(D)transforma-se o mundo por nossos esforos.(E)os nossos esforos sero transformados pelo mundo.09.Na frase Teremos construdo um sistema de energia neutro em carbono... o sinnimo de neutro (A)isento.(B)pleno.(C)dependente.(D)indefinido.(E)indiferente.10.Analise as afirmaes e assinale a alternativa correta.I. Est correta quanto concordncia verbal a frase Um aumento de4 Cfarocom que o mundoconviva com enchentesesecas,tornandoguaealimentoescassos para centenas de milhes de pessoas.II. Na frase A questo se teremos vontade poltica cole-tiva suficiente. o substantivo presente na expresso em destaque poltica. III. No texto, os termos rivalidades (3. pargrafo) e coope-rao (4. pargrafo) so empregados como antnimos.(A)As trs afirmaes esto corretas.(B)As trs afirmaes esto incorretas.(C)Apenas a afirmao I est correta.(D)Apenas a afirmao II est correta.(E)Apenas a afirmao III est correta.MATEMTicA11.UmcomerciantelanouumacestadeNatalnoformato de um prisma de base retangular de 1 m de comprimento, 60 cm de largura e 40 cm de altura. Se forem consideradas as medidas citadas como medidas internas, pode-se afirmar que o comerciante podia dispor, para a colocao de produtos natalinos, de um volume interno de(A)0,00024 m3.(B)0,0024 m3.(C)0,024 m3.(D)0,24 m3.(E)2,4 m3.12.Em matemtica, um setor circular ou setor de crculo, tambm conhecido como fatia de pizza, a parte do crculo limitada por dois raios e um arco formando um ngulo central. Suponha que uma pizza redonda com 40 cm de dimetro seja dividida em 8 partes iguais, formando 8 setores circulares, e que uma pessoa consuma 3 pedaos. Pode-se afirmar que a superfcie consumida por essa pessoa, em cm2 , foi(A)50 .(B)100 .(C)150 .(D)200 .(E)400 .13.Num parque, havia um jogo de roleta numerada de 0 a 9. Cada vez que o jogador girasse a roleta e casse o nmero 5, ele ganharia R$ 10,00. Cada vez que repetisse qualquer nmero emseguida,eleganhariamaisR$5,00.Paragirararoleta 10 vezes, o jogador pagava R$ 20,00. Uma pessoa que parti-cipou da brincadeira obteve os seguintes resultados:0 0 2 5 5 3 9 9 36Dessa maneira, o lucro dessa pessoa foi de(A)R$ 5,00.(B)R$ 10,00.(C)R$ 15,00.(D)R$ 20,00.(E)R$ 25,00.5CGSP0901/01-InspSegI14.Joo contou a Pedro que havia aplicado R$ 3.200,00 pelo pra-zo de 6 meses a juro simples, a uma taxa i, e havia conseguido R$ 960,00 de lucro. Pedro ento aplicou as suas economias pela mesma taxa i e juro simples por 1 ano e dois meses, e aumentou suas economias em R$ 3.500,00. Pode-se concluir que as economias de Pedro eram de(A)R$ 3.000,00.(B)R$ 3.500,00.(C)R$ 4.000,00.(D)R$ 4.500,00.(E)R$ 5.000,00.15.Considere a tabela de valores:3 5 6 8 x y w zOs valores de x, y, w e z devem ser preenchidos de acordo com as seguintes regras:x = o mnimo mltiplo comum dos 4 primeiros nmeros da tabela;y = o mximo divisor comum entre os 4 primeiros nmeros da tabela;w = a mdia aritmtica simples entre os 4 primeiros nm