C:\Fakepath\Clarice Lispector

  • View
    406

  • Download
    2

Embed Size (px)

Transcript

  • 1. BRASIL UCRNIA Liberdade pouco. O que desejo ainda no tem nome.

2. 3. 4.

  • UCRNIA
  • Populao: 45.994.287 (2008).
  • Carpathian Montains
  • Taxa de natalidade: 9,55 nascimentos por mil habitantes (2008).
  • Taxa de mortalidade: 15,93 mortes por mil habitantes (2008).
  • Castle in Kamyanets - Podisky
  • Grupos tnicos: ucranianos (73%), russos (22%), outros (5%).
  • Principais grupos religiosos: cristos (81%), sem religio (13,5%), ateus (4,2%), outros (2,2%).
  • Domes of the Pecherska Lavra - Kyiv
  • Lnguas: ucraniano, russo.
  • Alfabetizao: 99,4% (2001).
  • IDH (ndice de Desenvolvimento Humano): 0,788. Posio no ranking: 76 de 177 pases.
  • Downtown - Kyiv
  • Localizao: Europa Oriental, fazendo fronteira com o Mar Negro, entre a Polnia, Romnia e a Moldvia no oeste e Rssia no leste.
  • Clima: temperado continental; mediterrneo apenas na costa sul da Crimia; precipitaes distribudas de forma desproporcional; invernos variam de frescos ao longo do Mar Negro a frios no interior; veres so quentes ao longo da maior parte do pas.
  • Grand Canyon of Crimea
  • Atraes principais: Porto Dourado, aldeia de Dubinka.
  • Vacinas: hepatite A, hepatite B, febre tifide, raiva .

.Poltava St Andrews Church - Kyiv Statue of St Volodymyr the great - Kyiv Swallows Nest Yalta - Crimea casa Ucraniana tradicional - Poltava UCRNIA..

  • UCRNIA
  • Populao: 45.994.287 (2008).
  • Carpathian Montains
  • Taxa de natalidade: 9,55 nascimentos por mil habitantes (2008).
  • Taxa de mortalidade: 15,93 mortes por mil habitantes (2008).
  • Castle in Kamyanets - Podisky
  • Grupos tnicos: ucranianos (73%), russos (22%), outros (5%).
  • Principais grupos religiosos: cristos (81%), sem religio (13,5%), ateus (4,2%), outros (2,2%).
  • Domes of the Pecherska Lavra - Kyiv
  • Lnguas: ucraniano, russo.
  • Alfabetizao: 99,4% (2001).
  • IDH (ndice de Desenvolvimento Humano): 0,788. Posio no ranking: 76 de 177 pases.
  • Downtown - Kyiv
  • Localizao: Europa Oriental, fazendo fronteira com o Mar Negro, entre a Polnia, Romnia e a Moldvia no oeste e Rssia no leste.
  • Clima: temperado continental; mediterrneo apenas na costa sul da Crimia; precipitaes distribudas de forma desproporcional; invernos variam de frescos ao longo do Mar Negro a frios no interior; veres so quentes ao longo da maior parte do pas.
  • Grand Canyon of Crimea
  • Atraes principais: Porto Dourado, aldeia de Dubinka.
  • Vacinas: hepatite A, hepatite B, febre tifide, raiva .

.Poltava St Andrews Church - Kyiv Statue of St Volodymyr the great - Kyiv Swallows Nest Yalta - Crimea casa Ucraniana tradicional - Poltava UCRNIA..

  • UCRNIA
  • Populao: 45.994.287 (2008).
  • Carpathian Montains
  • Taxa de natalidade: 9,55 nascimentos por mil habitantes (2008).
  • Taxa de mortalidade: 15,93 mortes por mil habitantes (2008).
  • Castle in Kamyanets - Podisky
  • Grupos tnicos: ucranianos (73%), russos (22%), outros (5%).
  • Principais grupos religiosos: cristos (81%), sem religio (13,5%), ateus (4,2%), outros (2,2%).
  • Domes of the Pecherska Lavra - Kyiv
  • Lnguas: ucraniano, russo.
  • Alfabetizao: 99,4% (2001).
  • IDH (ndice de Desenvolvimento Humano): 0,788. Posio no ranking: 76 de 177 pases.
  • Downtown - Kyiv
  • Localizao: Europa Oriental, fazendo fronteira com o Mar Negro, entre a Polnia, Romnia e a Moldvia no oeste e Rssia no leste.
  • Clima: temperado continental; mediterrneo apenas na costa sul da Crimia; precipitaes distribudas de forma desproporcional; invernos variam de frescos ao longo do Mar Negro a frios no interior; veres so quentes ao longo da maior parte do pas.
  • Grand Canyon of Crimea
  • Atraes principais: Porto Dourado, aldeia de Dubinka.
  • Vacinas: hepatite A, hepatite B, febre tifide, raiva .

Poltava St Andrews Church - Kyiv Statue of St Volodymyr the great - Kyiv Swallows Nest Yalta - Crimea casa Ucraniana tradicional - Poltava UCRNIA..

  • UCRNIA
  • Populao: 45.994.287 (2008).
  • Carpathian Montains
  • Taxa de natalidade: 9,55 nascimentos por mil habitantes (2008).
  • Taxa de mortalidade: 15,93 mortes por mil habitantes (2008).
  • Castle in Kamyanets - Podisky
  • Grupos tnicos: ucranianos (73%), russos (22%), outros (5%).
  • Principais grupos religiosos: cristos (81%), sem religio (13,5%), ateus (4,2%), outros (2,2%).
  • Domes of the Pecherska Lavra - Kyiv
  • Lnguas: ucraniano, russo.
  • Alfabetizao: 99,4% (2001).
  • IDH (ndice de Desenvolvimento Humano): 0,788. Posio no ranking: 76 de 177 pases.
  • Downtown - Kyiv
  • Localizao: Europa Oriental, fazendo fronteira com o Mar Negro, entre a Polnia, Romnia e a Moldvia no oeste e Rssia no leste.
  • Clima: temperado continental; mediterrneo apenas na costa sul da Crimia; precipitaes distribudas de forma desproporcional; invernos variam de frescos ao longo do Mar Negro a frios no interior; veres so quentes ao longo da maior parte do pas.
  • Grand Canyon of Crimea
  • Atraes principais: Porto Dourado, aldeia de Dubinka.
  • Vacinas: hepatite A, hepatite B, febre tifide, raiva .

Poltava St Andrews Church - Kyiv Statue of St Volodymyr the great - Kyiv Swallows Nest Yalta - Crimea casa Ucraniana tradicional - Poltava UCRNIA.. UCRNIA Populao: 45.994.287 (2008).Taxa de natalidade: 9,55 nascimentos por mil habitantes (2008). Taxa de mortalidade: 15,93 mortes por mil habitantes (2008).Grupos tnicos: ucranianos (73%), russos (22%), outros (5%). 5. 6. Principais grupos religiosos: cristos (81%), sem religio (13,5%), ateus (4,2%), outros (2,2%).Lnguas: ucraniano, russo.Alfabetizao: 99,4% (2001). 7.

  • IDH (ndice de Desenvolvimento Humano): 0,788. Posio no ranking: 76 de 177 pases.
  • Localizao: Europa Oriental, fazendo fronteira com o Mar Negro, entre a Polnia, Romnia e a Moldvia no oeste e Rssia no leste.
  • Clima: temperado continental; mediterrneo apenas na costa sul da Crimia; precipitaes distribudas de forma desproporcional; invernos variam de frescos ao longo do Mar Negro a frios no interior; veres so quentes ao longo da maior parte do pas.

8. Distncia entre a Ucrnia e oBrasil(a partir de Braslia): 10.359,41 km . 9. UCRNIA BRASIL 10.359,41 km 10. Que ningum se engane, s se consegue a simplicidade atravsde muito trabalho 11. Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que voc no conhece como eu mergulhei. No se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento 12. Gosto dos venenos os mais lentos!As bebidas as mais fortes! Dos cafs mais amargos! E os delrios mais loucos. Voc pode ate me empurrar de um penhasco que eu vou dizer: E da eu adoro voar!!! 13. Saudade um pouco como fome. S passa quando se come a presena. Mas s vezes a saudade to profunda que a presena pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificao inteira um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida. 14. H momentos na vida em que sentimos tanto a falta de algum que o que mais queremos tirar essa pessoa de nossos sonhos e abra-la . 15. Tenho vrias caras. Uma quase bonita, outra quase feia. Sou um o qu? Um quase tudo. 16. s vezes sentava-me na rede, balanando-me com o livro no colo, sem toc-lo, em xtase purssimo No era mais uma menina com um livro: era uma mulher com seu amante. 17.

  • Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que voc no conhece como eu mergulhei. No se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento

H um livro em cada um de ns 18.

  • A feira o meu estandarte de guerra. Eu amo o feio com um amor de igual para igual.

19.

  • Todos os dias, quando acordo, vou correndo tirar a poeira da palavra amor ...

20.

  • No quero ter a terrvel limitao de quem vive apenas do que possvel fazer sentido. Eu no: quero uma verdade inventada.

21. Minha liberdade escrever. A palavra o meu domnio sobre o mundo A vida igual em toda a parte e o que necessrio a gente ser a gente 22. OBRAS 23. 24. 25. 26. A mulher que matou os peixesUma aprendizagem ou olivro dos prazeres(Com novo projeto grfico de capa) RomanceFelicidade clandestina(Com novo projeto grfico de capa) Contos1968 1969 1971 A mulher que matou os peixesUma aprendizagem ou olivro dos prazeres(Com novo projeto grfico de capa) RomanceFelicidade clandestina(Com novo projeto grfico de capa) Contos1968 1969 1971 A mulher que matou os peixesUma aprendizagem ou olivro dos prazeres(Com novo projeto grfico de capa) RomanceFelicidade clandestina(Com novo projeto grfico de capa) Contos1968 1969 1971 27. 28. 29. 30. 31.

  • Clarice Lispectornasce em Tchetchelnik, na Ucrnia, no dia 10 de dezembro, tendo recebido o nome de Haia Lispector, te