Monografia Eneadra Pedagogia 2008

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Pedagogia 2008

Text of Monografia Eneadra Pedagogia 2008

  • 1. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAO CAMPUS VIIA VISO DO EDUCANDO SOBRE O ENSINO DE ARTE NOCOLGIO ESTADUAL TEIXEIRA DE FREITASPor ENEANDRA DA SILVA BATISTA SENHOR DO BONFIM JUNHO DE 2008

2. ENEANDRA DA SILVA BATISTAA VISO DO EDUCANDO SOBRE O ENSINO DE ARTE NOCOLGIO ESTADUAL TEIXEIRA DE FREITAS Trabalho monogrficoapresentadoao Departamento de Educao Campus VII da Universidade do Estado da Bahia UNEB, como pr-requisito para concluso do curso de Licenciatura em Pedagogia. Orientadora: Cludia Masa Antunes Lins. 3. ENEANDRA DA SILVA BATISTA A VISO DO EDUCANDO SOBRE O ENSINO DE ARTE DO COLGIO ESTADUAL TEIXEIRA DE FREITASAprovada em: 03 de julho de 2008BANCA EXAMINADORA: Beatriz de Souza Barros Simone VanderleyProf.(a) Avaliador (a)Prof. (a). Avaliador (a)Prof. Cludia Masa Antunes Lins 4. (Orientadora) 5. DEDICATRIAA Deus por sua presena forte em minha vida.A minha famlia pelo apoio em todos os momentos.Aos meus amigos que direta ou indiretamente ajudaram-me neste caminho.A minha orientadora Masa pelo apoio e pelo carinho com que me orientou. 6. AGRADECIMENTOSAo Departamento de Educao Campus VI I;Aos funcionrios que contriburam com a minha permanncia no Campus;A todos os professores pelas suas contribuies em cada semestre;A professora Masa pela maravilhosa orientao; 7. A histria fez a sua parte, os homens que a construram deixaram suasmarcas e, sejam elas quais forem, o que realmente une passado e presente a existncia da arte. (Carmen Lcia A. Biasoli) 8. BATISTA, Eneandra da Silva, A viso do educando sobre o ensino dearte no Colgio Estadual Teixeira de Freitas. Monografia de Concluso deCurso de Pedagogia Licenciatura Plena, Habilitao em Educao Infantil enas Sries Iniciais, apresentada a Universidade do Estado da Bahia, CampusVII, Senhor do Bonfim BA, 2007 - 63fls.RESUMO A presente pesquisa objetivou perceber a concepo que os educandos doColgio Estadual Teixeira de Freitas tm sobre o ensino de arte e qual aimportncia do ensino desta disciplina para estes alunos. O ensino de arte temavanado no que se refere pesquisa, mais estes avanos pouco espao temencontrado no ambiente escolar, muitas vezes por desconhecimento doprofessor. O dialogo com vrios tericos foi importante para queconhecssemos a fundo o tema e o relacionssemos com o que osentrevistados disseram atravs da metodologia utilizada, a entrevistaestruturada e o questionrio, no qual obtivemos resultados satisfatrios para ainterpretao do problema, onde foi detectado que, por mais que os alunossintam prazer com nas aulas de arte as mesmas no esto contribuindo deuma forma significativa na vida dos educandos.Conceitos chaves: A arte do contexto social ao educacional, a arte educao instrumento importante na formao do educando, a formao deprofessores no ensino de arte. 9. SUMRIOAPRESENTAO............................................................................................ 11CAPTULO I...................................................................................................... 13 A ARTE EDUCAO NO QUADRO BRASILEIRO.........................................131.1. A Trajetria do ensino de arte na histria brasileira.................................. 17CAPTULO II..................................................................................................... 25A ARTE NA ESCOLA....................................................................................... 252.1 A arte do contexto social ao educacional .................................................. 252.2. A arte-educao instrumento importante na formao do educando....... 302.3. A formao de professores no ensino de arte........................................... 35CAPITULO III.................................................................................................... 39TRILHA METODOLOGICA............................................................................... 393.1.Lcus da Pesquisa...................................................................................... 423.2.Sujeitos Entrevistados da Pesquisa............................................................ 433.3.Instrumentos da Pesquisa.......................................................................... 43CAPTULOVI..................................................................................................... 45ANALISANDO E INTERPRETANDO OS DADOS............................................ 454.1. Perfil dos estudantes pesquisados............................................................ 464.1.1. Faixa etria............................................................................................. 464.1.2. Gnero.................................................................................................... 464.2.A arte na sala de aula: o que a escola tem ensinado................................. 474.3.A concepo dos educandos sobre o ensino de arte................................. 494.4. A significao do ensino de arte para o educando.................................... 514.5. A formao do professor............................................................................ 52CONSIDERAES FINAIS.............................................................................. 54 10. REFERNCIAS......................................................................................... 57APNDICES............................................................................................. 61 11. LISTA DE GRFICOSGrfico 1 - Faixa Etria.................................................................................... 46Grfico 2 Gnero............................................................................................47 12. 11 APRESENTAO Este trabalho monogrfico A viso do educando sobre o ensino de arte noColgio Estadual Teixeira de Freitas, no municpio de Senhor do Bonfim, nasce daproblematizao da questo de como a instituio escolar tem contribudo com aformao dos educandos atravs das aulas de arte, os objetivos desse trabalho so:Perceber a concepo que estes educandos tm sobre o ensino de arte e identificara importncia da mesma para os mesmos. A histria do processo de desenvolvimento do ser humano na terra foicontada inmeras vezes pela arte que se produziu e se produz na sociedade. Aolongo de milhares de anos a arte teve o seu significado modificado de acordo com osobjetivos de cada poca, atravs desta arte produzida, alm de podemos conheceras diversas culturas de povos antigos e atuais podemos tambm desenvolver asnossas prprias percepes a cerca de ns mesmos e do mundo que nos cerca. O ensino da arte, no entanto vem nos mostrar a importncia que a mesmatem para a sociedade e as vrias possibilidades em aprendizagem edesenvolvimento que a arte pode proporcionar ao educando. A arte no foi includapor acaso no currculo escolar, vrias foram s lutas travadas por arte-educadoresinteressados na rea para conseguir a sua obrigatoriedade na Lei de Diretrizes eBases n 5692/71 e reafirmada na forma da LDB de n 9394/96, mas ainda assimcontinuou sendo tratada com descaso na instituio escolar, poucas so as escolasque contam com profissionais especializados na rea para assumir as matrias. Estetrabalho no visa resolver os problemas referentes ao seu ensino mais vem de umamaneira humilde tentar chamar a ateno para esse problema, problematizando eprovocando reflexes. A presente pesquisa esta dividida em quatro captulos que incorpora umestudo situado referente os ensino de arte na escola. O primeiro captulo vem nos situar quanto arte e o seu ensino no cotidianodo ser humano no que se refere a sua histria e a importncia, seguido da 13. 12problemtica que nos conta como surgiu o problema e quais os objetivos que foramtraadas partir deste problema e por fim sua relevncia. O segundo captulo de carter terico, dialogamos ao longo deste captulocom autores como: Duarte Jr., Barbosa, Assis, Fischer entre outros que nosajudaram a compreender este tema, tanto no que se refere ao campo especfico daarte, como no que tange a pesquisa em educao. No terceiro captulo encontramos a metodologia que reafirma os objetivos dapesquisa, nos esclarece o conceito do que pesquisa atravs de Lakatos e a linhaepistemolgica seguida, nos situa a cerca de onde ocorrer a pesquisa (lcus), quaisos sujeitos entrevistados e os instrumentos de pesquisa utilizado que nos ajudou aalcanar os objetivos traados. No quarto captulo deste trabalho situa-se a anlise de dados e asinterpretaes, as falas dos sujeitos entrevistados e as suas concepes sobre oensino de arte e a importncia que a mesma tem para os sujeitos. Neste captuloiremos obter as primeiras impresses acerca do confronto entre o dilogo quetivemos com os tericos como Duarte Jr., Mae Barbosa, entre outros que acreditamque arte-educao auxilia no desenvolvimento dos educandos, com a fala dosdiscentes colhidas atravs dos instrumentos de pesquisa. E por ltimo a concluso que nos mostram os resultados obtidos a partir dacomparao entre as concepes de tericos e entrevistados, onde fazemos tambmuma reflexo sobre o ensino da arte, como acontece e as questes que se colocampauta hoje sobre a importncia da desta na formao humana. 14. 13 CAPTULO I A ARTE - EDUCAO NO QUADRO BRASILEIROOuvir msica, ir ao teatro, ao cinema, assistir a filmes e admirar paisagens para ns seres humanos algo to natural como respirar. Quem nunca ouviu umamsica em outro idioma e mesmo sem entender o que cantado se emocionou sem ouvi - l ou ao assistir um filme se viu to envolvido que imaginou ser o prprioprotagonista? Assim a arte, deixa a imaginao fluir, os sentimentos falarem, nostransporta para outro lugar, segundo COSTA (2004, p. 135):A arte penetra em ns atravs da porta da sensibilidade, mantendo aberto esse canal com nossa natureza mais intuitiva e profunda. A cada emoo ou prazer que resulta do contato com o belo, nossos sentidos se renovam e se apuram num processo infindvel de recriao. A cada momento de arte nos tornamos mais aptos capacitao da beleza do mundo e d