Monografia lenira pedagogia 2011

  • View
    1.634

  • Download
    3

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Monografia Pedagogia 2011

Transcript

  • 1. 0 UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAO CAMPUS VIILENIRA YPSILON DA SILVAO PROCESSO DE LETRAMENTO DA CRIANA COMSINDROME DE DOWN NA ESCOLA COMUM-UM ESTUDODE CASO SENHOR DO BONFIM 2011

2. 1 LENIRA YPSILON DA SILVA O PROCESSO DE LETRAMENTO DA CRIANA COMSNDROME DE DOWN NA ESCOLA COMUM - UM ESTUDO DE CASO Trabalho monogrfico apresentado como pr-requisito para concluso do curso de Licenciatura em Pedagogia, Habilitao em docncia e gesto em processos educativos, da Universidade do Estado da Bahia-UNEB, Departamento de Educao Campus VII. Orientado pelo professor Pascoal Eron Santos de SouzaSENHOR DO BONFIM2011 3. 2 LENIRA YPSILON DA SILVA O PROCESSO DE LETRAMENTO DA CRIANA COMSNDROME DE DOWN NA ESCOLA COMUM UM ESTUDO DE CASOAprovada em _______/________/________________________________________________________ Avaliador_______________________________________________Avaliador_______________________________________________ Pascoal Eron Santos de Souza 4. 3Dedico este trabalho ao meu grande e maravilhoso Deus peloseu infinito amor e bondade. Por todas as permisses a mimdadas, todas as realizaes concedidas, bnos e graasderramadas em minha vida. A Ele dedico meu louvor eadorao eternamente. Aos meus maravilhosos e amados paisJos Raimundo e Andrelina que tanto fizeram por mim, comexemplos de f, coragem, fora, luta, humildade me ensinarama ser quem sou, e com muito amor me apoiaram todos essesanos. Amo incondicionalmente vocs. A todas as crianas comsndrome de down por todas as dificuldades enfrentadas emseu processo educativo e inclusivo. 5. 4 AGRADECIMENTOSAos meus amados pais Jos Raimundo e Andrelina, e meus irmos Leandson eLeanny por todos os esforos, por todo o amor dedicado a mim, pela torcida (risos),pelas oraes e pela grande contribuio que deram na minha formao pessoal.Amo muito vocs!s minhas tias Aliete e Ftima, minhas avs de considerao Dalva e Detinha peloapoio, pela torcida, e por considerarem minhas conquistas e vitrias suas tambm.Vocs so presentes de Deus em minha vida. todos os meus colegas do curso em especial equipe Lenira (Cida Monteiro,Dani Arajo, Luci Oliveira, Elisa Paixo, Josi Bruno) por esses quase quatro anosjuntas, dividindo momentos de alegria, tristeza, estresse, estudo. Obrigada poramenizarem minha vontade de voltar correndo para casa (Miguel Calmon) emmuitos momentos durante nosso curso na faculdade, com a amizade, apoio, carinho,consolo de vocs. Amizades eternizadas. UNEB Universidade do Estado da Bahia pelo oferecimento do curso dePedagogia. Aos funcionrios da instituio que no decorrer desses quase quatroanos nos atenderam com ateno, respeito e contriburam direta ou indiretamentecom esta produo.A todos os meus professores que durante o curso deram contribuies significativaspara a minha formao acadmica e profissional.Ao querido professor/orientador Pascoal Eron, pelo tempo, pacincia, pelos saberestransmitidos, por ter orientado este trabalho com tanto empenho. Tereza e sua famlia que me receberam com tanta credibilidade, ateno, carinho,disponibilidade. Aos funcionrios, direo, professores da escola que me receberamto bem, e que contriburam significativamente com essa pesquisa. famlia Cruz Francisco (Marli, Cosme, Priscila, Prislei e Priscilane) por ser outrafamlia para mim, sempre torcendo, rezando, se alegrando comigo e com minhasconquistas. Obrigada por tudo! 6. 5Galera da casa do estudante de Miguel Calmon em Senhor do Bonfim, em especiala Daiane, Yara, Valtemir, Jos Orlando, Fbio Matos, Zenailde, Niliandra, JaksonLahire e Joo. Obrigada pelas risadas, consolos, incentivos, pelo carinho, trocas desaberes, e por muitas vezes no me deixarem estudar obrigando a conversar e jogarranzinza (risos).A todos os meus amigos que sempre me deram fora, rezaram, torceram, meincentivaram, se preocuparam comigo. Meu muito obrigada! 7. 6O QUE LETRAMENTO? Letramento no um ganchoem que se pendura cada som enunciado,no treinamento repetitivo de uma habilidade,nem martelo quebrando blocos de gramtica. Letramento diverso leitura luz de vela ou l fora, luz do solSo notcias sobre presidente, o tempo, os artistas da TV e mesmo Mnica e Cebolinhanos jornais de domingo uma receita de biscoito,uma lista de compras, recados colados na geladeira,Um bilhete de amor, telegramas de parabns e cartas de velhos amigos. viajar para pases desconhecidos,sem deixar sua cama, rir e chorarcom personagens, heris e grandes amigos. um atlas do mundo,sinais de transito, caas ao tesouro, manuais, instrues, guias, e orientaes em bulasde remdios para que voc no fique perdidoLetramento , sobretudo, um mapa Do corao do homem, um mapa de quemVoc , e de tudo o que voc pode ser.KATE M. CHON 8. 7RESUMOEsta pesquisa um estudo de caso e teve como objetivo conhecer como desenvolvido o processo de letramento da criana com sndrome de down na escolacomum. O estudo foi realizado com uma criana com sndrome de downregularmente matriculada em uma escola comum do ensino fundamental I, situadano distrito de Tijuau, Senhor do Bonfim-Ba. O quadro terico est fundamentado nadefesa dos direitos de incluso scio/educacional da pessoa com necessidadeseducacionais especiais, recorrendo a autores como Rangel (2008); Soares (2005);Mantoan (2005), Moreira, Castro, SantAna (2004) entre outros. Como instrumentosde coleta de dados foram utilizados a observao participante e a entrevista semi-estruturada que foram satisfatrios para obter os resultados relevantes pesquisa,sendo que os informantes e suas participaes nesse estudo somaram econtriburam de forma considervel com a pesquisa e seu resultado. Os resultadosfinais revelam que se precisa de uma ateno maior e redimensionamento doprocesso de letramento da criana com sndrome de down na escola comum. Sendoque a partir dos dados coletados identificou-se um dficit no processoeducativo/inclusivo do sujeito.Conceitos-chave: Letramento. Sndrome de down. Escola comum e incluso 9. 8 LISTA DE FIGURASFigura 1- Caritipo de uma pessoa com sndrome de down................................27Figura 2- Caracterstica que pode apresentar uma pessoa com sndrome de 31down.....................................................................................................................Figura 3- Caracterstica que pode apresentar uma pessoa com sndrome de 31down.....................................................................................................................Figura 4- Caracterstica que pode apresentar uma pessoa com sndrome de 31down....................................................................................................................Figura 5- Caracterstica que pode apresentar uma pessoa com sndrome de 31down....................................................................................................................Figura 6- Caracterstica que pode apresentar uma pessoa com sndrome de 31down....................................................................................................................Figura 7- Atividade da Tereza 01. 1 coleta em 18/11/2010...............................57Figura 8- Atividade da Tereza 02. 1 coleta em 18/11/2010...............................57Figura 9- Atividade da Tereza 03. 1 coleta em 18/11/2010...............................58Figura 10- Atividade da Tereza 04. 2 coleta em 14/02/2011............................. 58Figura 11- Atividade da Tereza 05. 2 coleta em 14/02/2011............................. 59Figura 12- Atividade da Tereza 06. 2 coleta em 14/02/2011............................. 60Figura 13- Atividade da Tereza 07. 2 coleta em 14/02/2011............................. 60 10. 9 LISTA DE ABREVIATURASLDBEN..............................Lei de Diretrizes e Bases da Educao NacionalUNESCO............................Organizao das Naes Unidas para a Educao, aCincia e a Cultura.SD.....................................Sndrome de downCBAI...................................Ciclo Bsico de Alfabetizao inicialCBAS II.............................Ciclo Bsico de Alfabetizao Seqencial 11. 10SUMRIO INTRODUO.....................................................................................12 CAPTULO I: PROBLEMATIZANDO A QUESTO........................... 142. CAPTULO II: REFLETINDO SOBRE OS CONCEITOS...................202.1 LETRAMENTO .................................................................................. 202.1.1 Letramento como aspectos social.................................................232.2SNDROME DE DOWN...................................................................... 252.2.1Etiologia............................................................................................262.2.2Progressos.......................................................................................282.2.3Caractersticas gerais da sndrome de down...............................302.2.4O processo de letramento da criana com sndrome de down.................................................................................................. 312.3 ESCOLA COMUM: NO CONTEXTO DE INCLUSO.......................362.3.1 O professor e seu papel nesse contexto de incluso................. 413. CAPTULO III: CAMINHOS PERCORRIDOS: A PESQUISA E SEUS INSTRUMENTOS....................................................................443.1A NATUREZA DO TRABALHO: UM ESTUDO DE CASO................. 443.2LCUS DA PESQUISA..................................................................... 463.3PARTICIPANTES..............................................................................473.3.1Tereza...............................................................................................473.3.2Me da Tereza..................................................................................473.3.3Professora da Tereza...................................................................... 473.4INSTRUMENTOS DE COLETA DE DADOS....................................474. CAPTULO IV: ANLISE E INTERPRETAO DOS DADOS...... 514.1RESULTADO DA OBSERV